A Netflix e o cancelamento: a bolha está para estourar?

2017 tem sido um bom ano para os negócios da Netflix (sim, ela se identifica no feminino), com o anúncio de 104 milhões de usuários mundialmente – um aumento de 25% em relação a 2016. Ao mesmo tempo, a notícia de que possui mais de U$ 20 bilhões em débito assusta e choca. Como pode fazer tanto dinheiro e ainda assim dever tanto dinheiro? Até quando esse modelo de negócios será sustentável? O primeiro sinal amarelo percebido foi a quantidade inesperada de séries originais sendo canceladas sem um final digno. Gypsy e Girlboss foram canceladas pouco tempo após a exibição inicial. The Get Down foi cancelada após uma segunda leva de episódios extremamente elogiados, mas com valor de produção muito […]

Primeiras Impressões: Perrengue

A chegada das responsabilidades da vida adulta normalmente trazem consigo diversos de perrengues e questionamentos e é esta fase que Perrengue, a nova série da MTV Brasil, pretende retratar. Pelos dois primeiros episódios já liberados pode-se perceber que a promessa do canal de trazer uma produção “sem filtro de tudo o que pode envolver a entrada na vida adulta” se cumpre. Ao acompanharmos a trajetória de Pérola, Cadu e Miguel, os protagonistas da história e melhores amigos, é impossível não se identificar com, pelo menos, um deles. Pérola é uma artista plástica recém-formada que, ao sair da casa da mãe, decide ir morar na casa abandonada da falecida avó, mas ainda não tem um emprego e nem como pagar as contas. […]

Primeiras Impressões: Marlon

A NBC lançou a sua nova série de comédia, Marlon, na última quarta-feira (16). Estrelada por Marlon Wayans, que vive Marlon, um pai de família muito exótico, que tem a responsabilidade de criar dois filhos, Marley (Notlim Taylor) e Zachery (Amir O’Neil), com sua ex-esposa, Ashley (Essence Atkins). O seriado segue o mesmo modelo de outras séries de comédias, como Two and Half Men e Baby Daddy. Logo de cara percebemos que Marlon segue o tradicional formato das sitcom, com as tradicionais piadas sem graça. Contudo, a série mistura em sua trama assuntos sérios, como a relação de dois pais divorciados criando dois filhos, que acabam se perdendo em meio às graças e ao limite de tempo de apenas 20 minutos. […]

Parenthood

Sarah Braverman, mãe solteira de dois adolescentes, resolve voltar a viver na cidade dos pais Zeek e Camille e reune, depois de vários anos, toda a família Braverman em uma mesma cidade. A série, baseada em um filme homônimo, conta a história desta família, que em meio a problemas e desafios da vida adulta, usam de sua união para se apoiar, sempre que necessário.

O relato fiel de situações cotidianas a qualquer núcleo familiar e o elenco poderoso é o ponto forte deste drama.

Jason Ritter fala sobre possível retorno de Parenthood

5 dias atrás Comente também

Faz pouco tempo que Parenthood acabou mas, com a moda dos retornos das séries queridas, tem sido cada dia mais impossível não ouvir falar sobre um possível revival da produção. Faria sentido algo assim agora? Provavelmente nenhum, já que o último episódio terminou com o seriado avançando um pouco no tempo, e pudemos ver alguns personagens mais velhos, com novos filhos e até mesmo em novos relacionamentos amorosos. Mas isso não tem impedido os fãs mais aficcionados (ou precipitados?) de torcerem por um retorno breve dos Braverman. Já Jason Ritter, que interpretou o professor Mark Cyr, interesse amoroso de Lauren Graham durante algumas temporadas, acredita que novos episódios não devam acontecer tão cedo, ou que até mesmo devam ser sobre uma […]

Leia o post completo

Guia da Trilha Sonora: Parenthood – 5ª Temporada

2 meses atrás Comente também

Um dos pontos fortes de Parenthood é a trilha sonora que sempre casa muito bem com os sentimentos que o episódio quer nos passar, e pra não perder o costume a gente traz pra vocês o que tocou na 5ª temporada da série só que dessa vez de forma diferente: tudo numa playlist do Spotify!

Leia o post completo

11 séries com homenagens à turma do Snoopy

3 meses atrás Comente também

Charlie Brown e seu cão, Snoopy, ganharam vida nos quadrinhos de Charles M. Schulz, publicados entre 1950 e 2000, quando o criador morreu. O desenho ficou tão famoso, que já teve adaptações na TV e no cinema. E, claro, algumas séries também fizeram homenagens à turma. Arrested Development Episódio 2×04 A série faz muitas referências aos amigos do Snoopy. No episódio Good Grief – cujo título já remete ao desenho -, George Michael caminha pela rua, cabisbaixo, como Charlie Brown tipicamente faria, e ainda passa por uma casinha vermelha com um Beagle deitado no telhado. A caminhada se tornou um jargão na série e veio à tona em outros episódios. Family Guy Episódio 7×01 Difícil saber quem fez mais homenagens à obra de Charles M. Schulz. Family Guy também […]

Leia o post completo

Guia da Trilha Sonora: Parenthood – 4ª temporada

3 meses atrás Comente também

Parenthood é o tipo de série que sempre nos emociona de alguma forma: seja com o clima familiar, com os dramas dos personagens ou com a alegria de suas conquistas. E na 4ª temporada a gente sofreu bastante com alguns personagens, e claro que a trilha sonora contribuiu bastante pra que tivéssemos o maior impacto possível de tudo que a temporada queria nos passar. Abertura: Forever Young – Bob Dylan Abertura Internacional: When We Were Young – Lucy Scwartz 4×01 – Family Portrait Just As Loud – PAUL MCDONALD Corner – ALLIE MOSS Call Me the Breeze – BETH ORTON Amen – ROCCO DELUCA A Little One – PEASANT Counting Stars – PAUL MCDONALD T-Bone Shuffle – T-BONE WALKER 4×02 […]

Leia o post completo

Maratona Parenthood – 6ª temporada

4 meses atrás Comente também

Pegar a última temporada de Parenthood para fazer o post de maratona foi um imenso desafio. A expectativa era grande, junto com o medo de não conseguir terminar o texto. Mas é isso que uma série faz conosco, não é? Nos encher de emoções e deixar aquele gelinho na barriga no final. Família é uma coisa difícil. Você não vive sem ela e não consegue, muitas vezes, ficar perto dela. Talvez porque família não tenha o dever de ser um amigo e dizer que certas atitudes estão corretas. Ela tem o dever de apoiar, apesar dessas atitudes e estar ao lado nas horas mais importantes, sejam elas felizes ou tristes. E isso define bem o que os Braverman são. O sexto ano da […]

Leia o post completo

Maratona Parenthood – 5ª temporada

4 meses atrás Comente também

Infelizmente, nossa maratona do choro está perto do fim e hoje é dia de revelar o que achamos da quinta temporada de Parenthood. Já começamos constatando o fato de que a cada temporada da série o golpe é maior e ainda não se sabemos como sairemos ilesos no fim dela. Cada uma de nós que está seguindo esta maratona se apaixonou completamente pelos Braverman – que já entram na lista de melhores famílias das séries junto com os Cohen, os Scott, os Walker e outros clãs maravilhosos que já tivemos o orgulho de acompanhar. Mas voltando para a quinta temporada, foi impossível segurar as lágrimas, principalmente depois que achávamos que teríamos episódios um tanto mais leve – para compensar a […]

Leia o post completo

Guia da Trilha Sonora: Parenthood – 3ª temporada

4 meses atrás Comente também

Nós do Apaixonados por Séries somos extremamente fãs de séries, e junto com isso das suas trilhas sonoras. Então sempre estamos por dentro do que toca nos episódios embalando nossos personagens. Nossa maratona de Parenthood segue com força total, então não podíamos deixar de falar daquilo que completamente a série de uma ótima maneira: a música. Confere com a gente a trilha da 3ª temporada! Abertura: Forever Young – Bob Dylan Abertura Internacional: When We Were Young – Lucy Scwartz 3×01: I Don’t Want To Do This Without You Pump It Up – ELVIS COSTELLO Only A Fool Would Say That – STEELY DAN Put The Lime In The Coconut – HARRY NILSSON Watch Me Dance – TODDLA T Summer […]

Leia o post completo

Maratona Parenthood – 4ª Temporada

5 meses atrás Comente também

Quando decidimos que Parenthood merecia uma maratona em grupo, escolhi  escrever sobre a quarta temporada porque eu já havia assistido as anteriores, o que me daria mais tempo para acompanhar a maratona e elaborar um texto com muita calma. Mas com a quantidade de séries na minha wachtlist e os compromissos do dia a dia, só consegui terminar de assistir ontem. Quando os créditos do último episódio subiram pela tela é que me dei conta do tamanho da responsabilidade de falar sobre a grandiosidade dessa quarta temporada. A nossa maratona do choro chega naquela que, até agora, pode ser considerada a temporada do choro. Sempre temos bons plots e ótimas atuações, mas o que mais me encanta na série são as emoções em cenas singelas, mostrando […]

Leia o post completo

A história das aberturas de série (e o novo botão da Netflix)

5 meses atrás Comente também

A Netflix lançou um botão que permite pular a abertura das séries e seguir diretamente para os episódios. A ferramenta ainda está em fase de teste e disponível somente para quem assiste pelo computador, mas já funciona em alguns títulos, como Mad Men. Ironicamente, a mesma Netflix é cúmplice da nova era de ouro das vinhetas de TV, que estavam em declínio nos últimos anos. Muitas séries do catálogo são introduzidas por belas obras-de-arte e merecem nossa audiência. Ignorá-las é uma opção… mas, se eu fosse você, não faria isso. Clique aqui para ver todas as aberturas citadas neste post! Em 1950, quando as séries chegaram à TV americana, as aberturas serviam para apresentar o elenco principal, expor uma breve sinopse do que estava por vir e fazer um product placement – termo usado pela […]

Leia o post completo

Maratona Parenthood – 3ª Temporada

5 meses atrás Comente também

Chegamos ao final de mais uma incrível temporada de Parenthood dando continuidade a nossa maratona do choro. Em termos gerais, foi um bom ano digerido em um par de semanas, tivemos algumas continuidades e fechamentos de plots iniciados na segunda temporada, assim como, testemunhamos o desenvolvimento de alguns personagens, enquanto outros permaneceram estagnados em suas posições. Não foi uma temporada perfeita, mas considero piamente esta a minha favorita até agora e sua análise merece ser realizada pelos núcleos familiares que compõem os Braverman, então vamos aos comentários.. Adam, Kristina, Haddie, Max e Nora Temporada de mudanças para todos os membros deste núcleo. A demissão de Adam e a dificuldade de se inserir novamente no mercado de trabalho abre a vertente para o grande plot da temporada – a […]

Leia o post completo

O que você precisa saber de Punho de Ferro antes de Defensores

5 dias atráscomentarios

O último dos Defensores a mostrar sua cara foi também o mais controverso de todos. Se Demolidor estreou sob o peso da expectativa positiva, Punho de Ferro tinha a dura missão de provar a todos que a crítica prévia estava errada e que a saga de Danny Rand valia a pena. A série protagonizada por Finn Jones, conhecido por interpretar Sor Loras em Game of Thrones, sofreu duras críticas pelo ritmo diferenciado, a ausência de um aprofundamento no misticismo e as fracas artes marciais.  Se a série conseguiu ou não se sair bem, vai do ponto de vista de cada um. De uma maneira geral, dá pra dizer que Punho de Ferro é diferente de suas companheiras de universo porque seu […]

Leia o post completo

O que você precisa saber de Luke Cage antes de Defensores

6 dias atráscomentarios

Dando sequência no dossiê especial que preparamos para você ficar pronto para a chegada de Defensores na próxima sexta, hoje é dia de retomar os fatos da primeira temporada de Luke Cage, um dos personagens mais controversos dessa leva de séries da parceria Marvel e Netflix. Nosso primeiro contato com Luke acontece ainda em Jessica Jones, quando o cara é introduzido como buddy call da investigadora e tudo parece muito ao acaso. Porque, na verdade, é mesmo. Aquele foi o primeiro teste do ator no papel e até uma maneira do roteiro sentir como que o público reagiria a chegada do próximo defensor. As reações na época foram bem mistas porque, como podemos colocar de uma maneira legal, Mike Colter […]

Leia o post completo

O que você precisa saber de Jessica Jones antes de Defensores

1 semana atráscomentarios

A primeira série da Marvel protagonizada por uma mulher começa quando os pais de Hope Shottman (Erin Moriarty) pedem a ajuda de Jessica Jones (Krysten Ritter) para investigar o paradeiro da filha, e ela então descobre que o sequestrador da moça é ninguém mais ninguém menos que Killgrave (David Tennant): aquele que a traumatizou através de um relacionamento abusivo. A moça não é então a típica heroína a qual estamos acostumados, e algumas vezes até chegamos a duvidar se podemos chama-la assim. Por ter um passado marcado pelo abuso sua personalidade se torna um tanto ácida e sombria, além de deixar para a personagem um descontrole no consumo de álcool e a ideia de que desistir é a melhor saída, e […]

Leia o post completo

Siga as nossas redes sociais e fique sempre conectado:

Assine nossa newsletter