11 séries com homenagens à turma do Snoopy

19 de maio de 2017 Por:

Charlie Brown e seu cão, Snoopy, ganharam vida nos quadrinhos de Charles M. Schulz, publicados entre 1950 e 2000, quando o criador morreu. O desenho ficou tão famoso, que já teve adaptações na TV e no cinema. E, claro, algumas séries também fizeram homenagens à turma.

Arrested Development

  • Episódio 2×04

A série faz muitas referências aos amigos do Snoopy. No episódio Good Grief – cujo título já remete ao desenho -, George Michael caminha pela rua, cabisbaixo, como Charlie Brown tipicamente faria, e ainda passa por uma casinha vermelha com um Beagle deitado no telhado. A caminhada se tornou um jargão na série e veio à tona em outros episódios.

Family Guy

  • Episódio 7×01

Difícil saber quem fez mais homenagens à obra de Charles M. Schulz. Family Guy também tem uma lista enorme. Quem se lembra do cão, Brian, fantasiado de Snoopy e ainda fazendo a dancinha clássica do personagem? E mais: Stewie estava com a mesma fantasia.

The Office

  • Episódio 9×05

Quando o assunto é fantasia, temos que falar de The Office. Vale a pena assistir a qualquer episódio de Halloween no escritório da Dunder Mifflin. Graças ao Kevin, a série entrou para o nosso Top Qualquer Número de hoje:

Reprodução/NBC

Em outro episódio, Michael Scott reproduz o bordão do amigo careca de Snoopy:

Existe algo chamado good grief. Pergunte ao Charlie Brown.

A piada talvez não seja instantânea para o público brasileiro, que está mais acostumado com a tradução dos quadrinhos em português: que puxa!

Friends

  • Episódio 8×06

Tem mais gente com fantasia de Charlie Brown por aí. Gunther também se veste com o traje abelhudo para a festa de Halloween em FriendsQuem fez melhor: ele ou Kevin?

Parenthood

  • Episódio 6×06

Lembram que a Patty Pimentinha chama o Charlie Brown de Minduim? Pois bem: em inglês, a turma é conhecida como Peanuts, que significa amendoim. A filha do Hank, Ruby, não conhecia o desenho e, num jogo de adivinhação, dá a dica: ela é alérgica ao Peanuts. Nem assim o Hank acerta.

Reprodução/NBC

Gilmore Girls

  • Episódio 1×03

Mas a atriz Lauren Graham, que fazia a Sarah de Parenthood, já conhecia o Charlie Brown desde a época de Gilmore Girls. De tanto tagarelar, Michel compara Lorelai à professora do desenho animado.

Reprodução/The WB

Pra quem não tem tanta familiaridade assim, igual à Ruby, aqui vai um vídeo com a professora da turma:

Gossip Girl

  • Episódio 5×09

Percebendo que Chuck está mudado, Blair diz que ele deixou de ser Charlie Sheen – o polêmico ex-protagonista de Two and a Half Mene se tornou um Charlie Brown.

Reprodução/The CW

The Mindy Project

  • Episódio 1×04

Mindy está desanimada para ir a uma festa à fantasia, mas muda de ideia depois de uma conversa inspiradora com a afilhada. Pelo telefone, a menina menciona o otimismo de Linus, amigo de Charlie Brown, em relação à Great Pumpkin. No desenho, Linus espera pela grandiosa abóbora durante toda a noite de Halloween. Ao som da trilha sonora clássica do Snoopy, Mindy então se veste com um figurino de Diane Chambers, da série Cheers, para ir à festa.

Reprodução/FOX

The Middle

  • Episódio 6×05

Sue tenta arrecadar dinheiro para a faculdade e organiza uma sessão de cinema ao ar livre com o filme It’s a Great Pumpkin, Charlie Brown. Dá para reparar que o programa de Sue não fez muito sucesso. A personagem tem um carma dos brabos, mas nunca perde a pose.

Reprodução/ABC

Will & Grace

  • Episódio 5×05

Um dos desejos para o revival é que mantenham a criatividade nos títulos dos episódios. No nosso post sobre as referências a Sex and the City em outras séries, Will & Grace já fazia um trocadilho divertido. E aqui, mais uma vez, há uma brincadeira: o episódio se chama It’s the Gay Pumpkin, Charlie Brown.

Reprodução/NBC

Stranger Things

No Natal de 2016, um fã talentosíssimo de Stranger Things fez esta animação, que transformou os personagens da Netflix em amigos do Snoopy. Uma homenagem digna de fechar nossa lista.

Jornalista que não bebe café, mas vai ao Central Perk com frequência. Gostaria de viver em todas as séries filmadas em Nova York.

Rio de Janeiro - RJ

Série Favorita: Friends

Não assiste de jeito nenhum: Game of Thrones

  • Paulo Adriano Rocha

    Que massa! Sou muito fã desses quadrinhos… Valeu a homenagem!

    • Alice Reis

      Eu também 😉

Guia da Trilha Sonora: Parenthood – 4ª temporada

2 semanas atráscomentarios

Parenthood é o tipo de série que sempre nos emociona de alguma forma: seja com o clima familiar, com os dramas dos personagens ou com a alegria de suas conquistas. E na 4ª temporada a gente sofreu bastante com alguns personagens, e claro que a trilha sonora contribuiu bastante pra que tivéssemos o maior impacto possível de tudo que a temporada queria nos passar. Abertura: Forever Young – Bob Dylan Abertura Internacional: When We Were Young – Lucy Scwartz 4×01 – Family Portrait Just As Loud – PAUL MCDONALD Corner – ALLIE MOSS Call Me the Breeze – BETH ORTON Amen – ROCCO DELUCA A Little One – PEASANT Counting Stars – PAUL MCDONALD T-Bone Shuffle – T-BONE WALKER 4×02 […]

Leia o post completo

Maratona Parenthood – 6ª temporada

2 semanas atráscomentarios

Pegar a última temporada de Parenthood para fazer o post de maratona foi um imenso desafio. A expectativa era grande, junto com o medo de não conseguir terminar o texto. Mas é isso que uma série faz conosco, não é? Nos encher de emoções e deixar aquele gelinho na barriga no final. Família é uma coisa difícil. Você não vive sem ela e não consegue, muitas vezes, ficar perto dela. Talvez porque família não tenha o dever de ser um amigo e dizer que certas atitudes estão corretas. Ela tem o dever de apoiar, apesar dessas atitudes e estar ao lado nas horas mais importantes, sejam elas felizes ou tristes. E isso define bem o que os Braverman são. O sexto ano da […]

Leia o post completo

The Good Fight

2 semanas atráscomentarios

The Good Wife é uma das séries jurídicas mais queridas dos fãs do gênero. Mesclando casos jurídicas repletos de reviravoltas com escândalos políticos num roteiro afiado com protagonistas cativantes e coadjuvantes de luxo, os contornos da vida pessoal e profissional de Alicia Florrick e cia conquistaram nossa atenção. Mas como tudo que é bom tem um fim, a série acabou caindo na qualidade e foi cancelada após sete temporadas. Era o fim da criatividade? Graças a Deus (e aos King), não. Menos de um ano após o final de The Good Wife foi lançada The Good Fight, um spin off dos mesmos produtores e que não deixou a desejar comparando com a série mãe. TGF deu sinais de que seria interessante logo […]

Leia o post completo

Siga as nossas redes sociais e fique sempre conectado:

Assine nossa newsletter