Conheça os vencedores do SAG Awards 2015

26 de janeiro de 2015 Por:

Neste último domingo (25 de janeiro) foi realizada a cerimônia de entrega do Screen Actors Guild Awards, SAG Awards para os íntimos, que elegeu os melhores da TV e do Cinema em 2014.

No que tange as séries, confira a lista completa dos vencedores de 2015 (em negrito):

– Melhor Elenco de Série Dramática:

Boardwalk Empire
Downton Abbey
Game of Thrones
Homeland
House of Cards

– Melhor Atriz de Série Dramática:

Claire Danes, Homeland
Viola Davis, How to Get Away with Murder
Julianna Margulies, The Good Wife 
Tatiana Maslany, Orphan Black
Maggie Smith, Downton Abbey
Robin Wright, House of Cards

viola-davis

– Melhor Ator de Série Dramática:

Steve Buscemi, Boardwalk Empire
Peter Dinklage, Game of Thrones
Woody Harrelson, True Detective 
Matthew McConaughey, True Detective
Kevin Spacey, House of Cards

– Melhor Atriz de Minissérie/Filme para TV:

Ellen Burstyn, Flowers in the Attic
Maggie Gyllenhaal, The Honorable Woman
Frances McDormand, Olive Kitteridge
Julia Roberts, The Normal Heart 
Cicely Tyson, The Trip to Bountiful

– Melhor Ator de Minissérie/Filme para TV:

Adrien Brody, Houdini
Benedict Cumberbatch, Sherlock: His Last Vow
Richard Jenkins,  Olive Kitteridge
Mark Ruffalo, The Normal Heart 
Billy Bob ThorntonFargo 

– Melhor Elenco de Série Cômica:

The Big Bang Theory
Brooklyn Nine-Nine
Modern Family
Orange Is the New Black
Veep

orange-is-the-new-black-sag-awards

– Melhor Ator de Série Cômica:

Ty Burrell, Modern Family
Louis C.K., Louie
William H. Macy, Shameless
Jim Parsons, The Big Bang Theory
Eric Stonestreet, Modern Family

– Melhor Atriz de Série Cômica:

 Uzo Aduba, Orange Is the New Black
Julie Bowen, Modern Family
Edie Falco, Nurse Jackie
Julia Louis-Dreyfus, Veep
Amy Poehler, Parks and Recreation

– Melhor Equipe de Dublês:

24 Horas
Boardwalk Empire
Game of Thrones
Homeland
Sons of Anarchy
The Walking Dead

– Cinema:

Melhor Elenco: Birdman
Melhor Ator: Eddie Redmayne, A Teoria de Tudo
Melhor Atriz:  Julianne Moore, Still Alice
Melhor Ator Coadjuvante: J.K. Simmons, Whiplash: Em Busca da Perfeição
Melhor Atriz Coadjuvante: Patricia Arquette, Boyhood
Melhor Equipe  de Dublês: Invencível

O que acharam dos ganhadores? A premiação foi justa ou sentiram falta de alguém entre os vencedores?

Nascida em Recife, infância no interior de SP e criada no Rio. Vivo e respiro Séries, Filmes, Músicas, Livros... Meu gosto é eclético, indo do mais banal ao...

Ler perfil completo

Rio de Janeiro - RJ

Série Favorita: São muitas!

Não assiste de jeito nenhum: Friends (não gosto de sitcoms)

  • Melhor Equipe de Dublês e Cinema quais foram?

    • Lívia Zamith

      Ops! Game of Thrones!

Desafio: você se lembra de quem foi essa declaração de amor?

2 semanas atráscomentarios

Ah, o dia dos namorados. Aquele momento do ano para espalhar aos quatro cantos nosso sentimento por aquela pessoa especial, que faz o coração acelerar e as palmas da mão suarem. Aquela pessoa por quem você faria qualquer coisa, até mesmo deixar a vergonha – ou o medo – de lado para professar seu amor. Nas séries, existem muitos personagens  que não esperam data especial nenhuma para declarar seu amor, seja num momento de desespero, num pedido de casamento ou só para reforçar aquilo que o parceiro já sabe e Tom Jobim cantava aos quatro ventos: é impossível ser feliz sozinho. Você também acredita nisso e se derrete toda vez que sabe que chegou a hora de surtar, porque vai ter […]

Leia o post completo

Guia da Trilha Sonora: Scream – Season 1

3 semanas atráscomentarios

Entre os poucos pontos positivos que posso destacar em Scream, a trilha sonora fica em primeiríssimo lugar (talvez porque seja da MTV). Misturando canções atuais, dançantes e tristes, que fazem parte da vida dos jovens de Lakewood, a série soube utilizá-las para compor a história e os personagens. Assim, nada melhor do que ouvir as músicas da primeira temporada, agora disponível em uma playlist na nossa conta do Spotify!

Leia o post completo

House of Cards e a Política Brasileira

3 semanas atráscomentarios

Primeiramente, #foratemer. E se você ainda não conferiu a última temporada de House of Cards, não se preocupe, esse texto não contém spoilers, – apenas reflexões. Pra gostar de House of Cards você precisa torcer pelos Underwood. Claro, a gente sabe o quanto eles são escrotos, mas é ficção, certo? Não tem problema torcer pelos vilões. Ou pelo menos era o que pensávamos em 2013, quando a série estreou. Mas de lá pra cá a política mundial virou de ponta à cabeça. Os Estados Unidos elegeram Trump e nós tivemos Temer enfiado goela abaixo. Isso sem contar os acontecimentos dignos da ficção, como a morte de Teori Zavascki, a delação do Joesley e os testes nucleares da Coréia do Norte. […]

Leia o post completo

Siga as nossas redes sociais e fique sempre conectado:

Assine nossa newsletter