Aquele em que dizemos adeus

Pra quem não sabe, o Apaixonados por Séries existe há quase dez anos. Eu e Camila…

O que esperar de 2018

Antes de mais nada, um feliz ano novo para você. Que 2018 tenha um roteiro muito…

Feud: Bette and Joan cria mais um feudo e leva processo de Olivia de Havilland

Por: em 1 de outubro de 2017

Feud: Bette and Joan cria mais um feudo e leva processo de Olivia de Havilland

Por: em

Parece que não foi todo mundo que gostou de Feud: Bette and Joan.

Olivia de Havilland, interpretada na série por Catherine Zeta Jones, está processando o canal FX alegando violação de privacidade e direitos publicitários.

A atriz rejeitou a forma como foi representada, alegando que a série passa a imagem de uma pessoa hipócrita que vendia fofocas para se promover. O processo é sobre seus direitos de publicidade (alegando que seu consentimento seria necessário para a exploração comercial) assim como pela forma equivocada como foi apresentada (um híbrido de difamação e invasão de privacidade).

O FX afirma que não houve falsa representação da atriz e que eles têm o direito de utilizar o nome e imagem de pessoas públicas em filmes ou programas de televisão sob a Primeira Emenda da Constituição Americana, que garante o livre discurso.

Reprodução/FX

O problema que os defensores do canal estão enfrentando é que a Juíza da Corte Superior de Los Angeles Holly Kendig está dando vantagem aos advogados de Olivia de Havilland, que argumentam que “apresentar declarações verdadeiras em meios publicados não permite a exploração comercial de uma celebridade através de representações falsas e conhecidamente sem consentimento”.

Apesar dos advogados do FX garantirem que a representação da atriz em tele foi a mais fiel possível à realidade, pois os produtores fizeram pesquisas exaustivas, a juíza fez questão de lembrar que “a senhora de Havilland está viva. Ela poderia ter respondido às perguntas” e evitado quaisquer erros.

Caso Olivia de Havilland ganhe o processo, será um grande passo para a classe artística, que vem à anos buscando formas de proteger seus nomes e imagens de serem utilizados pela media e indústria de entretenimento em obras de ficção e não-ficção sem consentimento.

Devido a idade avançada da atriz (101 anos), os procedimentos estão sendo apressados para uma solução mais rápida possível, e os advogados esperam ouvir Ryan Murphy, Catherine Zeta-Jones e outros envolvidos na produção de Feud antes da próxima audiência em novembro.


Paulo Halliwell

Professor de idiomas com mais referências de Gilmore Girls na cabeça do que responsabilidade financeira. Fissurado em comics (Marvel e Image), Pokémon, Spice Girls e qualquer mangá das Clamp. Em busca da pessoa certa para fazer uma xícara de café pela manhã.

São Paulo / SP

Série Favorita: Gilmore Girls

Não assiste de jeito nenhum: Game of Thrones

  • Jamilly Campos

    Bem feito, eles simplesmente esqueceram que ela ainda estava viva. Feud foi incrível, mas fez questão de salientar todos os pontos negativos dos atores. Deveriam ter pedido autorização dela.
    Também li boatos falando que graças a esse processo a obra estava sendo “esquecida” nas premiações.

    • Paulo Halliwell

      Olha, faz muito sentido eles terem retirado Feud das premiações por causa do processo, afinal, o sindicato dos atores sempre luta contra os desmandos dos produtores. Seria uma boa forma de dar aquele “calaboca” bem merecido.

×