Primeiras Impressões: The Mick

7 de janeiro de 2017 Por:

O maior desafio que eu enfrento ao escrever as Primeiras Impressões de uma série é se o fato de eu não ter gostado muito ou me identificado o bastante faz dela ruim, e com The Mick não foi diferente. Depois de assistir dois episódios, vi cenas que me fizeram rir e pensar “até que essa série é legal”, mas não acho que a história me prendeu o suficiente para entrar na minha listinha. Resumindo, o que eu quero que você leve desse post é que eu não achei a série ruim, tem momentos muito bons, inclusive, mas não é como se você estivesse perdendo muita coisa.

A comédia tem como premissa uma tia desajustada que se vê obrigada a cuidar dos sobrinhos depois que sua irmã e o marido fogem do país. O nome dessa anti-heroína é Mackenzie (Kaitlin Olson), uma mulher que, claramente, não tem controle sobre sua própria vida e, portanto, a melhor escolha para cuidar de três seres humanos (há controvérsias), não é mesmo? Mas não há como deixar de elogiar Kaitlin e o seu talento para comédia, algo que temos testemunhado há mais de 12 anos em It’s Always Sunny in Philadelphia, a mulher arrasa mesmo.

Já adianto que não há piadas “gourmet”, hiper sofisticadas, nem nada do tipo; me peguei rindo de cenas bem toscas, como quando alguém cai, é atropelado ou atingido por um vaso na cabeça, por exemplo, sim, nesse nível. As crianças também são um ponto positivo nessa história, igualmente adoráveis e pentelhas. Sabrina (Sofia Black-D’Elia) é a típica adolescente mimada que não vai aceitar ordens de ninguém, o que promete muitos conflitos entre ela e Mickey. Chip (Thomas Barbusca) é o do meio, porém se comporta como um verdadeiro adulto tamanha noção que tem de seus privilégios como homem branco e rico; cômico e trágico. Por fim, Ben (Jack Stanton) é o caçula, uma criança fofa que não foi completamente estragada pelos pais, ainda.

A Fox, assim como várias emissoras têm feito nos últimos anos, lançou o piloto da série dias antes da verdadeira estreia, a fim de situar a premissa, o que costuma funcionar bem, mas não sei se foi o caso dessa vez. Para mim, o piloto funcionou melhor do que o segundo episódio, The Grandmother, pois mostra uma Mickey que apesar de desequilibrada se importa com os sobrinhos (pelo menos com Ben, um pouco), o que é o contrário do que vemos no episódio seguinte, que dá várias voltas para terminar exatamente como o piloto.

Claro, foram só dois episódios, é possível que os próximos tragam mais novidades, mas, por ora, é isso. A crítica parece incerta quanto ao futuro da série, e nós, como apaixonados por séries, sabemos melhor que ninguém que não há garantias de nada nesse mundo perverso dos seriados. Enfim, se você se interessou e ficou curioso para saber mais, segue abaixo o trailer de The Mick! Se você viu e gostou, ou não, vem discutir comigo nos comentários! Até a próxima!


Estudante de humanas que já perdeu a conta de quantas séries fizeram e fazem parte de sua vida. Fã da internet, da literatura e do ócio; especialista em...

Ler perfil completo

São Paulo/SP

Série Favorita: Veronica Mars

Não assiste de jeito nenhum: The Vampire Diaries

  • Romulo Brenno

    Não é a coisa melhor do mundo das comédias, mas por enquanto me fez rir um pouco.

    • Lara Monteiro

      Eu podia ter resumido o post com esse comentário hahah

  • Andreza Soares

    Eu curti um pouco a série. As atuações da Kaitlin Olson e da Sofia Black-D’Elia me chamaram atenção. A história pode ser boa, é interessante, mas acho que pode cair no clichê. Mas vamos ver o que vai acontecer. Ainda é cedo para uma conclusão definitiva.

    • Lara Monteiro

      Sim, Andreza! Concordo! As duas são muito boas, né? E ainda é bem cedo mesmo, mas espero que vejamos mais coisas boas daqui pra frente!

Maratona Parenthood – 3ª Temporada

1 semana atráscomentarios

Chegamos ao final de mais uma incrível temporada de Parenthood dando continuidade a nossa maratona do choro. Em termos gerais, foi um bom ano digerido em um par de semanas, tivemos algumas continuidades e fechamentos de plots iniciados na segunda temporada, assim como, testemunhamos o desenvolvimento de alguns personagens, enquanto outros permaneceram estagnados em suas posições. Não foi uma temporada perfeita, mas considero piamente esta a minha favorita até agora e sua análise merece ser realizada pelos núcleos familiares que compõem os Braverman, então vamos aos comentários.. Adam, Kristina, Haddie, Max e Nora Temporada de mudanças para todos os membros deste núcleo. A demissão de Adam e a dificuldade de se inserir novamente no mercado de trabalho abre a vertente para o grande plot da temporada – a […]

Leia o post completo

Guia da Trilha Sonora: Parenthood – 2ª temporada

1 semana atráscomentarios

A música perfeita pode tornar um episódio ainda melhor do que o que ele já foi não é mesmo? Em uma série de drama, principalmente, elas costumam ditar o clima dos acontecimentos. E a gente precisa admitir que em Parenthood esse elemento funciona muito bem, sendo sempre um dos principais motivos da série ser tão boa de assistir e conquistar tanto a gente. Se você ainda não conhece a história da família Braverman pode ficar por dentro de tudo na nossa maratona, e se já conhece ou apenas quer conhecer músicas novas vem comigo ver a trilha sonora completa da segunda temporada. Abertura: Forever Young – Bob Dylan Abertura Internacional: When We Were Young – Lucy Scwartz 2×01 – I […]

Leia o post completo

Glitch

2 semanas atráscomentarios

Sete mortos voltam à vida super bem de saúde e aparência. É essa a história de Glitch, uma série australiana que está disponível no Netflix, desde o ano passado. De cara, a história pode parecer mais uma de tantas sobre mortos-vivos, zumbis ou afins. Inclusive, Glitch chegou a ser comparada com as séries The Returned e Ressurection. Mas, apesar de usar um tema já conhecido do público, o enredo é totalmente novo e contado de uma forma diferente de tudo que você já viu sobre o assunto. Nada de apocalipse ou vírus mortal, Glitch conta a história de sete renascidos das cinzas de forma, aparentemente, espontânea e natural, e claro, misteriosa na cidade fictícia de Yoorana, na Austrália. O primeiro […]

Leia o post completo

Siga as nossas redes sociais e fique sempre conectado:

Assine nossa newsletter