Reign – 4×14 A box A body A bride/ 4×15 Blood in the Water

11 de junho de 2017 Por:
Reign - 4 temporada

Divulgação/ CW

Decepção define este episódio de Reign. Claro que com o título de A Bride. A box. A body. eu esperava ver o corpo de Dunrley atirado no chão, todo esfaqueado, estilhaçado, só com pedaço do rosto suficiente para reconhecer. Desculpa, deixei meus instintos assassinos tomarem conta um momento, mas o feeling é este mesmo. Chega de Dunrley.

Não me entendam mal, claro que Blackburn merecia morrer. Ele que um dia já foi meu Lord fake favorito, mas ficou resumido a concubino chorão de Elizabeth. Liz devia estar tendo casos com piratas, isso sim. Blackburn tinha que morrer porque ele não existiu e não podia interferir no futuro virgem da Rainha Elizabeth I. Imagino que essa tenha sido a desculpa que os roteiristas acharam para não casar a rainha com ninguém, a morte do seu verdadeiro *cof* amor.

Isso é essencialmente mentira, ou uma releitura dos roteiristas de Reign. O maior motivo para Liz não casar era não sofrer nas mãos do esposo como Mary sofreu na de Dunrley. Muitos conservadores iam preferir ter um homem no poder, mesmo que um estrangeiro. Casamento geraria mais problemas do que solução para Liz. As mulheres tem que se provar de novo e de novo nesta série. Mostra que o poder e a nobreza não as blindava do machismo sistêmico.

Na Escócia, Mary quer retomar o seu castelo e vai a frente do exército. E ela ainda chuta o banquinho para matar o traidor. Knox não se deixa abater. Vai até o castelo para demandar que os guardas que o seguem sejam dispensados. Uma pena que Narcisse não tenha ido mais longe na sua vingança, mas fez uma coisa certa, tirou o motivo pelo qual Knox se achava tão importante.

Reign - Mary e o filho

Divulgação/ CW

Na França as coisas vão mal. A briga entre Charles e Henry ganha reforços com a chegada de Leesa, a Rainha Espanhola que queria ser como a mãe quando crescesse, mas falhou miseravelmente. É interessante que Catarina de Médici seja uma das maiores vilãs da história e uma das personagens mais adoradas ao mesmo tempo. Enquanto sua filha, Leesa é só chata. Na verdade, ela e Elizabeth tinham tudo para serem ótimas amigas se Inglaterra e Espanha não travassem uma guerra particular por questões religiosas.

Mas chegamos ao penúltimo episódio eu tinha certeza absoluta, era a hora dele. A hora de Dunrley morrer! E lá vai Reign me decepcionar mais uma vez. Continuamos tendo que aguentar Dunrley – e agora com sífilis. Ele está claramente enlouquecendo. Pelo menos, Mary finalmente enxerga que precisa se livrar dele de uma vez por todas. Quer dizer, isso vai ficar para o próximo episódio.

Fiquei feliz em ver Mary bem e se reconciliando de certa forma com o irmão e iniciando seu relacionamento com Bothwell, mas acho uma pena que Reign, uma série que deveria ser sobre 3 mulheres fodásticas que comandaram uma parte importante do mundo ocidental por algumas décadas tenha o seu finale focado em Dunrley. Foco errado, Reign! Foco errado. Achei que o episódio final seria exclusivamente de Mary e Liz e do inevitável desfecho que as aguarda. Vamos ver como eles amarraram tudo semana que vem.

E você, o que achou destes últimos episódios? Dunrley está demorando para morrer: sim ou com certeza? Conta tudo nos comentários!

Apaixonada por histórias, em todos os formatos, conta com listas enormes de livros que quer ler e filmes e séries para assistir.

Porto Alegre / RS

Série Favorita: House of Cards, Game of Thrones, Scandal

Não assiste de jeito nenhum: Once upon a time...

  • João Vitor Maia

    Com certeza kk

  • Vanessa Miranda

    Série que eu adoro… Esperando aqui a sua resenha do episódio final. de Reign.

O que você precisa saber de Jessica Jones antes de Defensores

6 dias atráscomentarios

A primeira série da Marvel protagonizada por uma mulher começa quando os pais de Hope Shottman (Erin Moriarty) pedem a ajuda de Jessica Jones (Krysten Ritter) para investigar o paradeiro da filha, e ela então descobre que o sequestrador da moça é ninguém mais ninguém menos que Killgrave (David Tennant): aquele que a traumatizou através de um relacionamento abusivo. A moça não é então a típica heroína a qual estamos acostumados, e algumas vezes até chegamos a duvidar se podemos chama-la assim. Por ter um passado marcado pelo abuso sua personalidade se torna um tanto ácida e sombria, além de deixar para a personagem um descontrole no consumo de álcool e a ideia de que desistir é a melhor saída, e […]

Leia o post completo

O que você precisa saber de Demolidor antes de Defensores

7 dias atráscomentarios

Com o sucesso do universo cinematográfico desenvolvido pela Marvel nos cinemas, um dos personagens mais interessantes e queridos dos fãs de quadrinhos foi ansiosamente aguardado para voltar a fazer parte do mesmo mundo. Homem-Aranha? Não, na verdade Demolidor. Após a Fox deixar os direitos de uso do personagem retornar para a casa das ideias, Marvel e Netflix fecharam uma parceria para desenvolver diversas séries de heróis. Demolidor abre essa parceria com maestria, trazendo uma série obscura, e violenta, diferente do que o personagem já viveu nas telas até então (abraço Ben Affleck!) Charlie Cox (Broadwalk Empire), dá vida a Matt Murdock, sofrido e realista. A série apresenta ele como advogado com o escritório associado em Hell’s Kitchen, e em seguida suas […]

Leia o post completo

Com pais como estes, hoje é um dia para esquecer

1 semana atráscomentarios

Existe um ditado que diz que a vida imita a arte (ou vice-versa) e isso sempre se mostra realidade quando comparamos as séries que assistimos à vida real. Claro que ainda não descobrimos um universo paralelo, uma cabine telefônica que nos transporte por aí ou que alienígenas têm planos de conquistar a Terra, mas muitas vezes a realidade é espelhada nos roteiros das histórias que mais amamos. House of Cards está aí para comprovar essa teoria, se compararmos os acontecimentos aos fatos que vemos nos noticiários todos os dias. Com os pais não poderia ser diferente. Existem pais que assumem o papel integral da criação da criança, pais que são os melhores amigos dos filhos, filhos que têm dois pais, pais de […]

Leia o post completo

Siga as nossas redes sociais e fique sempre conectado:

Assine nossa newsletter