[Resultado] Desafio das Referências a Filmes em Stranger Things

4 de agosto de 2016 Por:

No último dia 30 de julho (sábado) lançamos o Desafio das referências a filmes em Stranger Things, a nova queridinha da Netflix. Como não dava para colocar todas, escolhemos as mais marcantes e muitos leitores fizeram as suas apostas nos comentários, como E. T. – O Extraterrestre e Clube dos Cinco.

Chegou a hora de revelarmos o resultado. Será que você acertou? Fizeram uma boa pesquisa no tio Google?  Sem mais delongas, segue abaixo o resultado da nossa brincadeira:

Imagem I: Poltergeist – O Fenômeno (1982)

Poltergeist: O Fenêmeno.

Assim como no filme Poltergeist, uma pequena garotinha é atraída pelo monstro da parede, tendo uma certa curiosidade em saber o que tem lá dentro! A mãe de Will também se surpreende e acaba ficando com medo da “criatura”.

 

Imagem II: Os Goonies (1985)

Os Goonies: Desafio.

O clima e a relação de amizade entre os garotos pode ser comparada com o filme lançado na década de 80. Muita risada e diversão não faltam! além da relação de companheirismo e espírito de equipe entre eles, claro.

 

Imagem III: X -Men: O Confronto Final (2006)

X-Men: O Confronto Final.

Para quem acompanha a vida dos super-heróis sabe que na saga dos filmes dos X-Men, a personagem Jean Grey acabando “matando” o professor Xavier devido os seus poderes. Ele acaba se desfazendo no ar igual a “criatura”, quando é confrontada pela pequena Eleven.

 

Imagem IV: Alien, o Oitavo Passageiro (1979)

Alien - O Oitavo Passageiro.

A criatura horripilante do filme Alien apresenta muitas características semelhantes com a “criatura” da série. tanto é que quando os personagens são atacados, as vítimas sofrem bastante. Que diga a personagem Barbara Holland (Shannon Purserem Stranger Things, né?

 

Imagem V: E. T. – O Extraterrestre (1982)

E. T. - O Extraterrestre: Desafio.

Precisar de um disfarce (super charmoso, por sinal!) para tentar enganar os adultos e, além disso, poder andar de bicicletas pelas ruas da cidade? Tenho certeza que o ET formaria uma bela dupla com a Eleven!

 

Imagem VI: Clube dos Cinco (1985)

Clube dos Cinco - Filme.

Essa comparação é a clássica das clássicas, não é mesmo? Como no filme O Clube dos Cinco, em Stranger Things nós temos o galã, a menina nerd, o garoto todo esquisito do colégio e a mocinha bonita! afinal, qual colégio é diferente disso?

 

Imagem VII: Conta Comigo (1986)

Conta Comigo - Filme

Quatro garotos saem em busca de resposta e no meio do comigo eles têm que lidar com a morte. Muito parecido os dois, não é mesmo? Mas a relação de amizade entre os garotos (muito forte, por sinal) ajuda a lidar com os problemas que aparecem na história.

 

Imagem VIII: Tubarão (1975)

Tubarão (1975).

A “criatura”, na série, é atraída por sentir o cheiro de sangue e, claro, essa ideia não é muito original. Os produtores devem ter se inspirado (pra não falar copiado, já que é um clichê!) do filme Tubarão, que também tinha a mesma característica.

 

Imagem IX: A Hora do Pesadelo (1984)

a Hora do Pesadelo (filme).

A vítima do filme A Hora do Pesadelo acaba ficando nas mãos do monstro por um tempo. Já em Stranger Things, a jovem Nancy quase é capturada pela “criatura” no famoso “mundo invertido” da trama. Mas as duas vítimas têm uma característica em comum: precisam da ajuda dos outros que estão fora para serem salvas.

 

Imagem X: O Labirinto do Fauno (2006)

O Labirinto do Fauno.

Qualquer semelhança é uma mera coincidência, se formos levar em conta a aparências das duas criaturas, que aparecem nas duas histórias! Não sei qual é a mais feia, a de Stranger Things é horripilante, mas a de O Labirinto do Fauno dá mais de gastura ao vê-la.


Gostaram da nossa brincadeira? Quantas referências você acertou? Não deixe de contar a sua experiência nos comentários abaixo. É uma boa pedida para verem esses filmes neste restinho de férias. Aproveitem!

Uma Curiosidade: Um jornalista e diretor francês chamado Ulysse Thevenon fez um vídeo colocando a maioria das referências que aparecem na série. A obra que tem aproximadamente 5 minutos, ainda recebe os comentários dos internautas sobre dicas sobre outros filmes que Ulyusse esqueceu! Tem muita gente ajudando! Com certeza o vídeo será atualizado. Dê uma olhada depois!

Especial realizado com a ajuda da minha colega Louise Rezende. 

20 anos, técnico em Química de Beagá. Usa esse cantinho para expor suas ideias, pois adora escrever sobre séries... É vestibulando de Medicina e pretende se graduar na...

Ler perfil completo

Belo Horizonte / MG

Série Favorita: Sense8 e Stranger Things

Não assiste de jeito nenhum: Smallville

  • Gabriela Pagano

    A referência ao X-Men era a que eu mais estava curiosa, não tinha nem ideia – deve ser porque nunca vi X-Men! Haha Muito legal esse post, parabéns! o/

    • Obrigado Gaby! X-Men foi inédito mesmo! Tinha que ser muito fã para descobrir essa referência, haha. Beijos! <3

  • Ficou muito legal o desafio Arthur, fico feliz por ter ajudado! 🙂
    E tô até agora orgulhosa por ter sacado a referência a X-Men, eu geralmente não percebo e s[o descubro quando leio as resenhas e especiais aqui do Apx hahaha

    • Lou! Tenho que te agradecer de coração por ter me ajudado. Muito obrigado mesmo.

      Você foi show na referência de X-men. Muito legal mesmo. Está de parabéns! =) #QueVenhamOsPróximosDesafios

  • lucia

    Só acertei 3.
    Eu nunca teria feito a relação daquela cena com X-Men. Nunca mesmo.

    • Ei Lucia. Obrigado por conferir o resultado! Confesso que esse do X-Men foi difícil mesmo, rs. Agradeço também pela sua participação.

      Volte sempre que quiser! =)

Ash vs Evil Dead

1 semana atráscomentarios

Que atire a primeira pedra quem nunca assistiu ao clássico de terror trash, The Evil Dead, ou se vocês preferem o enorme título traduzido, Uma Noite Alucinante – A Morte do Demônio! O filme lançado em 1981 e dirigido por Sam Raimi (o mesmo cara que dirigiu Spider-Man), foi o primeiro de uma grande franquia e é até hoje considerado o melhor filme trash já feito. Alavancada pela avalanche de remakes e spin-offs televisivos de filmes que fizeram ou não sucesso – citando só alguns, Scream, Shadowhunters e Limitless -, Ash vs Evil Dead nada mais é do que uma continuação dos filmes da franquia Evil Dead, lançados há 30 anos. A série, transmitida pelo canal Starz, estreou em 2015 e ainda conta com Raimi na produção. Ashley […]

Leia o post completo

Maratona The O.C. – 3ª temporada

1 semana atráscomentarios

A terceira temporada é oficialmente minha favorita. Talvez eu esteja me precipitando, sem ter assistido à quarta, mas eu realmente não esperava gostar tanto da terceira. Já assisti à série inteira, mas nunca havia reprisado esta temporada, digamos que por limitações emocionais. Meu coração ficou muito traumatizado da primeira vez. É engraçado como eu não me lembrava de muita coisa (nem sei como pude apagar o casal Julie e Neil da memória), mas, ao longo das cenas, tudo fazia sentido para mim. O elenco principal estava afinadíssimo com seus personagens e entre si. Ryan (Ben McKenzie) deixou o riso frouxo em vários episódios, o que nos ajuda a crer na evolução do personagem, cada vez mais à vontade com a vida em Newport. Também conhecemos novos personagens para chacoalhar a dinâmica da […]

Leia o post completo

As séries com viagens no tempo

1 semana atráscomentarios

Como meu amigo Wander comentou quando compartilhou com a gente suas primeiras impressões de Timeless, viagens no tempo is the new black. Doctor Who é a série de ficção científica mais longa do mundo. 12 Monkeys já vai para a terceira temporada, Legends of Tomorrow já exibiu na metade da segunda. A canadense Travelers já exibiu uma temporada. Continuum durou quatro temporadas, assim como a querida Being Erica. As novatas Timeless e Frequency exibem a temporada de estreia e, com a baixa audiência, lutam pela renovação. Time After Time e Making History são outras produções do gênero com estreia marcada e garantida. Ao perceber a maioria dessas séries na minha watchlist e muitas fazendo sucesso com os telespectadores, comecei a me perguntar: Por que amamos séries com viagens no tempo? Não sei […]

Leia o post completo

Siga as nossas redes sociais e fique sempre conectado:

Assine nossa newsletter