Os indicados ao Globo de Ouro 2018

As nomeações à 75ª edição do Globo de Ouro foram anunciadas nesta segunda-feira pela manhã por…

Primeiras Impressões: Dark

Dark é uma produção alemã de suspense e terror, criada por Baran do Odar e Jantje…

Séries para assistir com a criançada

Por: em 12 de outubro de 2017

Séries para assistir com a criançada

Por: em

Por Francisco Zotto

Sou aquele pai de primeira viagem que quer o melhor para sua filha. Sabemos que não é muito educativo colocar a criança na frente da televisão e deixar rodando por horas e horas hipnotizando a mente da infante até ela dormir e não deixamos isso acontecer. Mas, somos uma família apaixonada por séries e eventualmente paramos no sofá com a Lúcia, nossa pequena de 9 meses e meio. Ela se empolga com as cores e músicas, e até já preparamos uma pipoca especial para ela curtir a telinha. Naturalmente ela já criou até sua programação favorita:

Doutora Brinquedos

Conheci este desenho pelo filho de três anos de uma amiga. Em seu plot, uma menina de seis anos que pode “curar” os seus brinquedos, com uma pequena ajuda de seus bichos de pelúcia, Hélia – uma hipopótamo enfermeira, Felpudo – um dragão azul e Lambie uma ovelhinha que adora abraçar. Destaque que em 2012 a série já tinha uma doutora mulher em sua primeira temporada, abraço Doctor Who!

Festa de Palavras

Sem dúvida a que mais hipnotiza minha bebê de 9 meses e meio. Desenvolvida pela Netflix, e produzida pela mesma companhia de Muppets, a série conta o cotidiano de quatro animaizinhos, Bailey – um elefante tímido, Franny – uma chita animada, Kip – um wallaby (tipo um canguru) e Lulu – uma pequena panda fofinha. Como a maioria das séries feitas para o público infantil, tenta passar informações sobre as mais diversas descobertas da idade, como nomes de formas, descrições de sentimentos, ou cores. Mas a diferença é que as personagens pedem para as crianças grandes (os espectadores) que ensinem eles. A animação é curiosa, parece que estamos assistindo atores vestindo roupas dos animais.

Vegecontos em Casa


Bob é um pequeno tomate, e junto com o pepino Larry, seu melhor amigo, vivem várias aventuras em sua cozinha. Também original da Netflix, afirma ter uma temática cristã, entretanto de religião só se percebe quando após os créditos de alguns episódios os protagonistas te avisam que Deus te ama. Uma coisa curiosa que aprendi com a série é que bacon é um vegetal. ¯\_(ツ)_/¯

Dora Aventureira


Com foco na educação das crianças pré-escolar, a série apresenta Dora e seu amigo, o macaco Botas, e os dois aproveitam suas aventuras para ensinar inglês. A série é bem famosa em território nacional e com certeza encanta muitas crianças. A dublagem é muito boa, e as palavras estrangeiras que aprendemos são muito bem trabalhada para que as crianças compreendam, usem e gravem. Os episódios também são recomendados para crianças com autismo, pelo apoio visual durante as falas dos personagens.

Por Thais Gonzaga

Rebecca tem 5 anos (quase 6) e calhou de nascer numa família que adora TV. Procuro, claro, controlar o tempo que ela passa assistindo desenhos e séries, mas confesso que as vezes gosto até mais do que ela de acompanhar o que está vendo. Ela gosta muito de seriados que tenham música e sejam engraçados, com piadas que ela entenda. Dou preferência para a Netflix, para evitar os comerciais de brinquedos, mas não resisto a bugigangas e roupas com seus personagens preferidos. Sim, ser mãe é uma eterna contradição entre o que achamos que é o certo e o que realmente fazemos, mas é muito bom reviver a infância por meio dos filhos.

Ultimate Homem Aranha


Faço questão de mostrar para minha filha de 5 anos que não existe isso de desenho para meninas e desenho para meninos. Como aqui em casa gostamos muito de super heróis, nada melhor do que começar a mostrar para ela esse universo. Ultimate Homem Aranha é muito engraçado e mostra um Peter Parker adolescente tentando equilibrar a vida social/escolar com a função de herói. Já vimos todas as 4 temporadas disponíveis no Netflix e ela sempre quer rever.

My Little Pony/Equestria Girls

Se vamos assistir desenhos com muito cor de rosa e glitter, que seja um desenho inteligente. My Little Pony fala sobre amizade, caráter e amor de maneira divertida, com boas sacadas. Fofinho e esperto na medida certa. Equestria Girls é a versão alternativa do seriado original, com as pôneis em versão duas patas e suas aventuras em um colégio. Cuidado que as músicas grudam na cabeça!

Hora de Aventura


O desenho pode parecer meio maluco em um primeiro momento (e é mesmo), mas é cheio de referências e quebra muitos preconceitos sem nem mesmo falar sobre eles especificamente. Finn é um garoto que vive aventuras com seu cão Jake na Terra do Ooo, um lugar mágico onde tudo pode acontecer. Minha filha gosta especialmente de um episódio sobre a cadeia alimentar.

Junior Express


Crianças pequenas gostam muito de música e Junior Express segue essa onda. A série argentina é estrelada por Diego Topa e é bem famosa no país de origem. As músicas são divertidas e as historinhas entretêm os pequenos.

Beat Bugs


O grande atrativo dessa série original Netflix são as músicas dos Beatles. Cada episódio conta a história de uma canção, por meio de cativantes personagens, os insetos do título. Bonito, bem feito, mas cansa um pouco as crianças menores. Mesmo assim, uma ótima opção.


E você o que vai assistir com a criançada nesse feriadão?


Francisco Zotto

Formado em administração, assisto quase tudo que apareça com o título de "episódio piloto", fã de Hockey, Star Wars e Dave Matthews Band.

Curitiba/PR

Série Favorita: Spaced

Não assiste de jeito nenhum: Inhumans

  • Maria Leonor

    Cadê Dragões : Corrida ao Limite, Gravity Falls ou Miraculous Ladybug?

  • Assisti muito desenho infantil enquanto minha irmã crescia! Os de hoje não acompanho muito, mas sinto saudades dos da minha época tipo manda chuva e corrida maluca haha

  • “Destaque que em 2012 a série já tinha uma doutora mulher em sua primeira temporada, abraço Doctor Who!”

    HAUHAUHAUAHUAHUA #MORRI

    Esse Junior Express me lembrou a estética de Lazytown.

    Fiquei muito a fim de rever vários desenhos da infância <3
    Que post mais fofo, Francisco e Thais!

×