Aquele em que dizemos adeus

Pra quem não sabe, o Apaixonados por Séries existe há quase dez anos. Eu e Camila…

O que esperar de 2018

Antes de mais nada, um feliz ano novo para você. Que 2018 tenha um roteiro muito…

Supergirl – 2×20 City of the Lost Children / 2×21 Resist

Por: em 24 de Maio de 2017

Supergirl – 2×20 City of the Lost Children / 2×21 Resist

Por: em

A segunda temporada de Supergirl  foi, sem dúvida alguma, cheia de altos e baixos. Com episódios perdidos, uma trama confusa e sem vilões impactantes, a série pareceu perder o rumo e o tom diversas vezes. City of the Lost Children foi um daqueles episódios que poderiam ter sido ótimo, mas não foi. Ao mesmo tempo, Resist trouxe boas surpresas para a season finale que se aproxima, mas não conseguiu cativar tanto quanto o esperado.

Divulgação/ The CW

O Guardião tem sido um dos subplots mais maltratados nesta temporada. Em City of the Lost Children, James parece estar no centro das atenções, enquanto a trama principal se desenvolve em paralelo. Olsen sempre esteve perdido em seu caminho de vigilante, já que quase ninguém o vê como um herói. Sua história é uma das maiores falhas da série, já que nunca entendemos como ele realmente se tornou o Guardião – tudo foi muito mal explicado e feito às pressas, o que impossibilitou que criássemos um vínculo empático com o herói. O Guardião parece desmotivado e sem rumo. É difícil de entender os próximos passos dele, já que não vejo James em um plot muito melhor. A ligação quase instantânea entre ele e o jovem alienígena foi difícil de engolir, além de ser estranho ver como ele perdeu tempo em tela nas últimas semanas.

Divulgação/ The CW

Honestamente,  City of the Lost Children foi um episódio desperdiçado para a série, já que a esta altura, outros pontos eram mais importantes serem tratados do que o vigilante. Por que não explorar mais J’onn J’onnz ou Alex e Maggie? Como em quase toda temporada, tudo pareceu corrido e sem planejamento neste episódio. Por outro lado, não há como ignorar que a trama entre Lena e Rhea tem se tornado algo melhor a cada dia. A fácil ligação entre as duas é compreensível, já que ambas têm seus problemas familiares sérios. Enquanto Lena sempre sofreu com a ausência de uma presença materna, a alienígena também sente a “perda” de um filho. E por mais distorcida que seja a mente de Rhea, não há dúvidas de que ela é uma forte e sagaz regente. Entendo muito mais o propósito dela como vilã do que de James como herói, mas tenho a esperança de que tudo o que aconteceu no vigésimo episódio seja apenas um gancho para uma nova fase do jovem.

Divulgação/ The CW

Resist teve ótimas surpresas, como a volta de Cat Grant e do Superman. Que saudade da antiga CEO da CatCo! Ela com certeza foi um dos pontos altos do episódio, conseguindo se destacar em meio a poderosas mulheres como Rhea, Presidente Marsdin e até mesmo Supergirl. Como senti falta de todo o humor, presença de espírito e forte personalidade dela!

O retorno do Superman foi uma ótima jogada, principalmente porque ninguém esperava pelo controle “mental” da rainha Rhea sobre o Homem de Ferro. Outro ponto inesperado foi a “união” entre Kara Danvers e Lilian Luthor. Ao longo desta temporada, foi difícil de engolir o desenvolvimento de Luthor e Cadmus como antagonistas. Mesmo com tanto potencial, vimos um enredo fraco, que penou para desenvolver. Há muita esperança, no entanto, para a season finale e a terceira temporada. Talvez sejamos surpreendidos novamente.

Divulgação/ The CW

Há muita coisa nos esperando na season finale. A invasão daxamita é uma ameaça iminente e Rhea já mostrou ser uma forte e perigosa inimiga. Supergirl terá a chance de finalmente mostrar-se como a verdadeira defensora da Terra, com Superman surgindo como um possível rival. Tanta coisa nos espera no próximo episódio, que é difícil especular qual será o fim desta temporada.

Já viu o trailer da season finale?

 

 

O que achou destes episódios? Comente aqui conosco!

Até a próxima!

 


Carolina Tavares

Advogada paulistana, é viciada em leitura desde que se entende por gente. Vê mais séries do que deveria e menos do que gostaria. Quer ser uma mistura de Olivia Pope, Alicia Florick e Annalise Keating algum dia.

São Paulo/SP

Série Favorita: The Blacklist

Não assiste de jeito nenhum: Two and a Half Men

×