The Originals – 4×11 A Spirit Here That Won’t Be Broken

17 de junho de 2017 Por:

O que mais temia aconteceu! Desde a review do terceiro episódio imaginei que isso iria acontecer e agora parece que não nos resta dúvida, a Hollow possuiu a pequena Hope e os últimos episódios dessa temporada irá nos levar para caminhos ainda mais sombrios.

Reprodução/The CW

Mais uma vez Klaus mostrou que se tornou outra pessoa, completamente diferente do terrível vilão sem alma que conhecemos lá em The Vampire Diaries. Cheguei até a imaginar que ele mataria ou colocaria o Kol para dormir por alguns séculos, mas ele fez o contrário e só precisou de uma frase do irmão sobre Cami para ele tomar essa decisão. Sem dúvidas Klaus faria o mesmo se existisse a possibilidade de trazer sua doce Cami de volta. Gostei que a Davina voltou a viver, mesmo que isso tenha acontecido de forma tão fácil, afinal. Kol e a bruxa (ressuscitada pela segunda vez!) mereciam ficar juntos. E chegando até aqui deu pra perceber que o Josh só permaneceu vivo para ter esse reencontro com a melhor amiga e foi lindo, não dá para negar!

Reprodução/The CW

E o que dizer do casal Rebekah e Marcel? Que química existe entre eles, né? Eles são maravilhosos juntos, pena que isso é tão complicado de acontecer. A lavagem de roupa suja dos dois foi digna de um filme romântico do Nicholas Sparks e aquele beijo final não poderia faltar. Ainda torço para que os dois encontrem uma maneira de viver esse amor que existe há mais de dois séculos.

Reprodução/The CW

As lutas simultâneas entre Kol e Klaus, Hayley e Jakcson/Elijah foram uma das melhores sequências de ação da série. A dinâmica que os produtores criaram foi bem interessante. Gostei de ver!

Outro ponto alto do episódio foi a reflexão da Hayley. Apesar de gostar de vê-la com o Elijah e entender que de fato existe um sentimento entre os dois, sempre preferi o Jack. Além de formar um belo casal e de terem uma predestinação desde criança, o lobisomem sempre foi um homem honrado, do bem e completamente diferente do perfil perverso do Elijah. Ele seria o padrasto perfeito para Hope. Pena que a Hayley só compreendeu isso tarde demais.

Reprodução/The CW

Agora só nos resta saber a decisão que a híbrida irá tomar, apesar de já desconfiarmos. E pior ainda, quando ela descobrir que todos os esforços em manter a filha longe da maldade foram em vão.

Outras observações:

– A Sofya continua adormecida tadinha! Quero ver o que Marcel irá fazer quando ela acordar (se ela acordar, né? Tomara que não!) já que a Rebekah está de volta balançando suas estruturas.

– E o Vincent continua sumido. Não queria que ele voltasse só para destruir a Hollow de vez, mas pelo visto é isso que vai acontecer!


 

O que acharam de “A Spirit Here That Won’t Be Broken”? Fiquem a promo do penúltimo episódio da temporada.

 

Jornalista fascinada por boas histórias. Curte moda, cinema, livros e séries que tenham mulheres como centro das atenções. Ah, e o mais importante, ama escrever sobre tudo isso.

Salvador/BA

Série Favorita: Orphan Black e The 100

Não assiste de jeito nenhum: American Horror Story

  • Nickolas Girotto

    Estou empolgado com esses últimos episódios, acho que vão ser bons!!
    Seria legal se a Hope de algum jeito conseguisse expulsar a Hollow do corpo dela e depois os outros fizessem a parte deles lá para destruir ela.
    Uma coisa que eu quero saber é se quando acabar essa temporada o tempo vai passar mais alguns anos pra ver a Hope mais velha ou se por enquanto eles vão continuar com ela criança, eu espero que fique criança por mais algum tempo, pois essa guria manda muito bem.

    • Isabel Tavares

      Oi, Nickolas. Não sei se você viu as últimas notícias sobre a série, mas responde exatamente essa sua dúvida. A Summer Fontana interpreta muito bem a Hope, deveriam explorá-la mais!

      • Nickolas Girotto

        Não vi, Vou procurar!!

  • Moisés

    Oi Isabel.

    Finalmente um vilão bom. Espero que a Inadi fique para a season 4.
    É bem mas má que a Tia Dahlia. É bem foda ela.

    • Isabel Tavares

      Verdade, Moisés! Finalmente criaram um vilão digno de enfrentar a família Mikaelson.

  • Rogério Rodrigues Veloso

    esse episodio foi excelente, de tirar o folego. Toda vez que falam da Cami o Klaus ja amolece o coração, ele ainda senti muita falta dela, uma pena ela ter morrido, era minha personagem preferida.

    • Isabel Tavares

      O episódio foi muito bom mesmo, Rogério! Sim, ele ainda sofre muito pela falta da Cami.

  • Luana

    episodio maravilhoso, uma dorzinha no coração toda vez que falam da Cami para O Klaus. Ela faz muita falta na serie.era minha personagem preferida, adorava a dinamica dela com o Klaus, tinham uma excelente quimica.

    • Isabel Tavares

      A Cami faz falta mesmo, gostava de ver como ela fazia bem para o Klaus.

  • Lívia Guimarães Sandes

    Delícia de episódio!! Fiquei Feliz em ter a Davina de volta mas que Saudades da Cami!! Podiam ter trazida à Cami de volta também!!

O que você precisa saber de Jessica Jones antes de Defensores

6 dias atráscomentarios

A primeira série da Marvel protagonizada por uma mulher começa quando os pais de Hope Shottman (Erin Moriarty) pedem a ajuda de Jessica Jones (Krysten Ritter) para investigar o paradeiro da filha, e ela então descobre que o sequestrador da moça é ninguém mais ninguém menos que Killgrave (David Tennant): aquele que a traumatizou através de um relacionamento abusivo. A moça não é então a típica heroína a qual estamos acostumados, e algumas vezes até chegamos a duvidar se podemos chama-la assim. Por ter um passado marcado pelo abuso sua personalidade se torna um tanto ácida e sombria, além de deixar para a personagem um descontrole no consumo de álcool e a ideia de que desistir é a melhor saída, e […]

Leia o post completo

O que você precisa saber de Demolidor antes de Defensores

7 dias atráscomentarios

Com o sucesso do universo cinematográfico desenvolvido pela Marvel nos cinemas, um dos personagens mais interessantes e queridos dos fãs de quadrinhos foi ansiosamente aguardado para voltar a fazer parte do mesmo mundo. Homem-Aranha? Não, na verdade Demolidor. Após a Fox deixar os direitos de uso do personagem retornar para a casa das ideias, Marvel e Netflix fecharam uma parceria para desenvolver diversas séries de heróis. Demolidor abre essa parceria com maestria, trazendo uma série obscura, e violenta, diferente do que o personagem já viveu nas telas até então (abraço Ben Affleck!) Charlie Cox (Broadwalk Empire), dá vida a Matt Murdock, sofrido e realista. A série apresenta ele como advogado com o escritório associado em Hell’s Kitchen, e em seguida suas […]

Leia o post completo

Com pais como estes, hoje é um dia para esquecer

1 semana atráscomentarios

Existe um ditado que diz que a vida imita a arte (ou vice-versa) e isso sempre se mostra realidade quando comparamos as séries que assistimos à vida real. Claro que ainda não descobrimos um universo paralelo, uma cabine telefônica que nos transporte por aí ou que alienígenas têm planos de conquistar a Terra, mas muitas vezes a realidade é espelhada nos roteiros das histórias que mais amamos. House of Cards está aí para comprovar essa teoria, se compararmos os acontecimentos aos fatos que vemos nos noticiários todos os dias. Com os pais não poderia ser diferente. Existem pais que assumem o papel integral da criação da criança, pais que são os melhores amigos dos filhos, filhos que têm dois pais, pais de […]

Leia o post completo

Siga as nossas redes sociais e fique sempre conectado:

Assine nossa newsletter