Aquele em que dizemos adeus

Pra quem não sabe, o Apaixonados por Séries existe há quase dez anos. Eu e Camila…

O que esperar de 2018

Antes de mais nada, um feliz ano novo para você. Que 2018 tenha um roteiro muito…

The Tudors: a história de Henrique VIII e suas seis esposas

Por: em 27 de novembro de 2014

The Tudors: a história de Henrique VIII e suas seis esposas

Por: em

Se você gosta de aprender um pouco sobre história enquanto se diverte – The Tudors é uma série muito bem recomendada para isso! Ela narra o reinado de Henrique VIII na Inglaterra, mostrando seu cotidiano, suas batalhas, compulsão sexual e as esposas que teve durante seus anos de vida.

Tudors

As esposas

“Divorciada, decapitada, morreu. Divorciada, decapitada, sobreviveu”.  Este nada singelo verso abre o livro: As seis mulheres de Henrique VIII (Antônia Fraser) e ilustra o fim de cada uma das seis esposas. Os livros de história muitas vezes se resumem a citar Catarina de Aragão (Maria Doyle Kennedy)  e Ana Bolena (Natalie Dormer), mas após as duas ainda vieram mais quatro: Jane Seymour (Annabelle Wallis), Ana de Cleves (Joss Stone), Catarina Howard (Tamzim Merchante) e Catarina Parr (Joely Richardson). Henrique (como todo monarca daquela época) era obcecado pela necessidade de ter um herdeiro varão e assim dar continuidade a sua dinastia. Se o casamento (muitas das vezes realizado por pura conveniência) se iniciava bem, a passagem do tempo e a falta do nascimento do herdeiro eram fatais para os matrimônios. A caracterização da personalidade de cada rainha foi muito bem desenvolvida na série, se Catarina de Aragão era a rainha religiosa, Ana Bolena foi a manipuladora e sedutora. A história de Henrique e suas seis esposas foi muito bem narrada na série de TV The Tudors

Tudors

Religião, traições e sexo

Naquela época a figura do Rei era intimamente ligada a Igreja Católica, sendo esta grande influente na alta sociedade. Mas quando Henrique se apaixona por Ana Bolena e necessita terminar seu casamento com Catarina de Aragão, ele rompe com a Igreja Católica e funda a Igreja Anglicana.  A série mostra muito bem esta passagem tão importante para a história mundial, demonstrando como o Vaticano recebeu a notícia e como muitas autoridades religiosas se converteram para a religião do Rei para não perdeu o poder e o status. A série é recheada de trações, não somente físicas e amorosas, principalmente aquelas ligadas ao campo político. O jogo de poder está presente durante todas as temporadas!

tudors1

A série produzida para o canal Showtime foi exibida em quatro excelentes temporadas durante os anos de 2007 e 2010. A produção é de uma forma geral impecável, valendo cada minuto despendido em frente a TV. Desde a ambientação histórica até o figurino dos personagens, tudo foi muito bem pensado e trabalhado em The Tudors.  O figurinista da série Joan Bergin faturou dois Emmys  (2007/2008) por seu trabalho, o que fortalece o quão boa foi toda a caracterização dos personagens. Importante mencionar e destacar as atuações dos atores: quem assiste sente pena de Catarina de Aragão, raiva da manipuladora Ana Bolena e tristeza pela morte de Jane.


The Tudors é uma série excelente, que diverte e ensina ao mesmo tempo e por isso Vale Cada Minuto !!!

 


Janaina Helena

Mineira vivendo em Maceió. Viajante por vocação. Advogada por profissão. Séries, cinema, livros, corrida e torresmo!

Maceió-AL

Série Favorita: The Good Wife e Gilmore Girls

Não assiste de jeito nenhum: Arrow

  • Giovanna Hespanhol

    Realmente é uma produção excelente, ótimos personagens e um figurino espetacular. A série em si é boa, mas nada se compara às duas primeiras temporadas. Ana Bolena era uma louca, mas The Tudors não era a mesma coisa sem ela. Até hoje não superei a história da Joss Stone como a “rainha feia”, ela é tão linda! hahaha

    • Janaina Helena

      Se eu te falar que somente percebi que a Joss Stone era a rainha feia quando fiz uma pesquisa para escrever vc acredita??? rsrs

  • Joanna

    Sou louca pra ver essa série!!!! Acho a história do Henrique VIII e das suas milhões de mulheres incrível!

    • Janaina Helena

      Assista Joanna e te recomendo o livro que cito no post… muito bom

  • Gabriela Vital

    Sou apaixonada por The Tudors e até hoje espero que Reign tome um caminho desses. Como viciada em História fico corrigindo as pequenas adaptações que a série fez, mas isso só fez dela ainda melhor!
    Lembro até hoje qnd comentei sobre a série com uma professora e ela disse: “Ah, eu já assisti isso! Se ao menos eles soubessem como Henrique VIII era feio na verdade!”. Pq olha, o Jonathan é maravilhoso!

    • Janaina Helena

      Tem algumas licenças poéticas mesmo… mas quando não exageram muito eu nem ligo muito, sei que faz parte. Tudors é uma boa série mesmo, te recomendo o livro que citei… é bem detalhado.

  • (eu ri desse comentário da Gabriela – realmente, dizem que o Henrique era muito feio!) Tenho muita vontade de assistir essa série, principalmente depois que fui pra Londres e aprendi mais sobre os Tudors num walking tour pela cidade. Séries históricas são sempre bacanas, e se o elenco é bom e a adaptação boa, melhor ainda, né? Acompanho esse site HÁ ANOS mas tenho curtido muito os últimos textos particularmente – parabéns!

    • Isadora Alonso

      Bárbara se você foi a Londres veja a série!!! Eu comecei a me interessar pela história da cidade vendo a série e quando fui, já havia assistido The Tudors e é maravilhoso ver na série os lugares que você vê pessoalmente na cidade. Quando fui a Torre de Londres me senti em um episódio da série mas ainda bem que não cruzei com Ana Bolena rs. Agora na lista da próxima ida está o palácio de Hampton Court, que também é muito presente na série.

      Ótimo texto e com essa dica deu até vontade de rever a série!

      • Janaina Helena

        Realmente ver os lugares que vc conhece pelas séries é bem emocionante mesmo.. pude ter essa sensação quando visitei os estúdios da Warner em Los Angeles. Obrigada pela visita e pelo comentário Isadora.

    • Janaina Helena

      Com certeza Bárbara, se a produção é caprichada é bem melhor neh?!
      Obrigada pelo comentário e pelo elogio, trabalhamos para melhorar sempre e agradar nossos leitores. Um forte abraço.

×