Aquele em que dizemos adeus

Pra quem não sabe, o Apaixonados por Séries existe há quase dez anos. Eu e Camila…

O que esperar de 2018

Antes de mais nada, um feliz ano novo para você. Que 2018 tenha um roteiro muito…

Grey´s Anatomy – 12×01 Sledgehammer

Por: em 25 de setembro de 2015

Grey´s Anatomy – 12×01 Sledgehammer

Por: em

Finalmente a #TGIT está de volta e com ela a 12ª temporada de Grey´s Anatomy. E se muitos tinham dúvida sobre aos rumos que a série tomaria após as últimas decisões polêmicas da diva Shonda Rhimes, saibam que essa temporada tem tudo pra ser ótima. E caso você esteja atrasado apenas dou um conselho: corre que dá tempo!

Grey´s estreia falando sobre mudança e demonstra ao longo do episódio as diversas facetas e nuances dela na vida de alguém. O medo do novo é inevitável, viver o novo é seguir sem garantias, significa deixar o medo de lado e encarar o desafio, crescer, reavaliar, se redescobrir e em alguns casos, se reinventar. Com um salto de pouco mais de três meses na história, a nova temporada chega trazendo uma boa dose dos mesmos elementos que conquistaram e conquistam os milhares de fãs da série. Claro que ainda é muito cedo pra qualquer opinião mais assertiva, até porque a gente já palpitou sobre o que esperar pros médicos do Grey Sloan Memorial Hospital.

Greys- Anatomy-Meredith-season-premiere

Confesso que tenho um jeito muito particular de avaliar se um episódio foi bom ou não: a lágrima! Gosto de episódios que transcendem os minutos de exibição e me fazem refletir sobre algo, ou que mexa com a minha empatia emocional. O que dizer então depois de onze temporadas? Quero drama, choro, ranho e aquela dor no peito do tipo “ai meu Deus do céu! Para! Não acredito! P-a-r-a! Ai meu corassaum!”. E foi bem isso o que tivemos no episodio de estreia.

Usando como pano de fundo a história de duas adolescentes que se envolvem em um acidente de trem, somos apresentados a um dos temas destaque da season premiére, a homofobia. Sensível e na medida, os roteiristas retomam a prática de histórias fortes envolvendo os pacientes, levantando outras questões um tanto quanto “indigestas” pra tradicional família brasileira como a xenofobia e a cura gay. As consequências do acidente faz com que os residentes relembrem suas tomadas de decisões na adolescência, trazendo à tona assim outra questão típica desta fase da vida, o bullying. Tríade que garante sem dúvida os momentos mais emocionantes do episódio.

Greys-Anatomy-season-premiere

Mas nem tudo são lagrimas no episódio de estreia, e assim como foi adiantado por nós aqui no blog, a nova temporada chega equilibrando a narrativa com uma pegada mais leve, tranquila e bem humorada. Duvida? O que dizer então do excelente diálogo entre Edwards e Arizona? A reação de Maggie após o surto da mãe de uma das pacientes? E as consequências do convívio entre Meredith, Maggie e Amélia? Outra coisa que estávamos com saudade e que Grey´s Anatomy sempre fez com maestria é escolher a trilha sonora da temporada. Então já podem deixar espaço reservado para uma playlist especial, porque tem cover lindo de Rihanna, Miley Cirus e Iggy Azalea.

Outro ponto importante da estreia foi a disputa pela vaga de novo cirurgião chefe do GSMH. Assim como prevíamos, a candidata de Catherine chega para a entrevista e já consegue impactar negativamente a confiança de Bailey, que começa a questionar suas próprias habilidades como cirurgiã, sua capacidade de tomada de decisão e até, se seria a mais preparada para o cargo. Mas se muita gente pensou que teríamos os roteiristas nos enrolando por alguns episódios e debatendo novamente esta questão, estávamos enganados – provando mais uma vez que o mundo é dela, e que nós só vivemos nele – e somos surpreendidos com a forma como a questão é concluída. Pontual mas sem perder o melhor do estilo Grey´s Anatomy.

Greys-Anatomy-edwards-Arizona-season-premiere

E assim como o nome do próprio episódio sugere, não existe mudança sem conflito, escolhas sem consequências. Às vezes é preciso apenas seguir em frente, quebrar as paredes das fundações até então criadas,  se preparar para o novo. Uma prova de que a temática da mudança ainda garantirá alguns plots nesta temporada foi a chegada de April ao hospital, nos minutos finais, e o reencontro inesperado com Avery, além da inauguração do novo laboratório de anatomia, agora sob a supervisão de Meredith Grey. Novidades mais que suficientes para que comecemos a torcer pra que a próxima quinta chegue logo. Será que falta muito?

Greys-Anatomy-April-Kepner-season-premiere


E você, já assistiu ao episodio de estreia da nova temporada de Greys Anatomy? Aproveita e vem aqui dividir com a gente!


Marcel Sampar

Paulista que puxa o erre pra falar, PHD em Análise do Drama pelas novelas mexicanas reprisadas no SBT e designer de homens palito. Com sérios problemas em se definir por aqui - sim, esta já é minha terceira tentativa em menos de um mês - mas que um dia chega lá!

Rio Preto/SP

Série Favorita: Sex and the City

Não assiste de jeito nenhum: Teen Wolf

×