Aquele em que dizemos adeus

Pra quem não sabe, o Apaixonados por Séries existe há quase dez anos. Eu e Camila…

O que esperar de 2018

Antes de mais nada, um feliz ano novo para você. Que 2018 tenha um roteiro muito…

Grey’s Anatomy – 14×03 Go Big or Go Home

Por: em 7 de outubro de 2017

Grey’s Anatomy – 14×03 Go Big or Go Home

Por: em

Como é bom ter Meredith Grey de volta! Depois de todo o drama que ela já passou, perdendo mãe, pai, irmã e o amor da sua vida, a médica criou mecanismos de defesa para evitar sofrimento desnecessário, mas isso também a tornou mais empática, tanto com os pacientes quanto com em seus relacionamentos.

A dinâmica dela com o psquiatra Dr. Carr foi muito boa nesse episódio de Grey’s Anatomy. Ele a ajudou a entender que seu mau humor não vinha tanto do motivo de, mais uma vez, estar envolvida em um triângulo amoroso, mas sim de ver que alguém estava tendo uma chance que ela jamais teria, desperdiçando totalmente essa oportunidade. Nota zero para Nathan! É natural ele se sentir confuso em relação aos sentimentos por Megan e Grey, mas ele ganhou um prêmio ao ter te volta seu grande amor, tem mesmo que correr atrás.

A conversa entre os dois também mostrou que para Meredith encontrar alguém que preencha o vazio deixado por Derek não é algo que ela busque. Entre ela e Nathan havia em comum o fato dos dois terem perdido seus amores. Se Riggs seguir em frente com Megan, os caminhos ficam abertos para Grey encontrar uma nova história e será interessante acompanhar isso, até mesmo se ela decidir que prefere ficar sozinha.

Reprodução/ABC

Um ponto positivo para avançar a trama foi não ficar enrolando para todos saberem da situação da Amelia. Já deu dessa história de um esconder assuntos importantes do outro e passar uma temporada inteira assim. Claro que não por vontade dela, mas ainda bem que ela chamou um médico sensato para tratá-la. Aliás, muito bem vinda a participação de Greg Germann.

Meredith foi simplesmente adorável ao saber do tumor no cérebro de Amelia. Não precisou falar nada, só estar ali ao lado dela, demonstrando seu apoio e carinho. Como eu já havia comentado na rewiew anterior, o comportamento meio maluco da Dra. Shepard realmente tinha a ver com o tumor, o que pode mudar completamente sua relação com o Owen. Se isso será bom ou não, só o tempo dirá, mas com certeza muitas reações exageradas dela e atitudes intempestivas serão vistas com outros olhos.

Deu até um pouco de pena do Owen. Quando ele finalmente resolve falar duro com ela, cobrar o fato dela não estar ali ao lado dele em toda a situação envolvendo a volta da sua irmã, ela joga uma bomba dessas em cima dele. E por estarmos falando de Grey’s Anatomy, não dá para confiar que a médica vá sobreviver.

Reprodução/ABC

Não lembro se o patriarca Avery já tinha aparecido antes, mas ainda bem que não permanecerá. Que homem chato! Péssimo com o neto, com a nora e com a Bailey. Ainda bem que antes de morrer a chefe deu uma lição nele. Confesso que fiquei preocupada dela ser mesmo demitida, porque com o Shonda a gente nunca sabe, mas ainda bem que tudo se resolveu rapidamente. Ou pelo menos pareceu que sim.

A trama com Jackson e Maggie não se desenvolveu muito, mas já sabemos que April não está nem um pouco satisfeita com isso, e a história envolvendo o garoto acidentado durante um convite para ir ao baile só serviu para deixar isso bem claro. Realmente não dá para entender onde o roteiro quer chegar, mas definitivamente não é um triângulo amoroso que o público gostaria de ver (ou grande parte dele).

Destaques

  • DeLuca tentando fazer Maggie entender que não estava se desculpando, mas tentando mostrar o problema da Amelia. Vergonha alheia
  • O médico/professor da Amelia mandou a real sobre o tumor: “ninguém percebeu que ela estava agindo feito louca?”. Desce o pano!
  • Jo e Karev estão se entendendo e estou achando bom
  • Carina, a irmã de DeLuca, dando a melhor dica para o trabalho de parto evoluir
  • Bailey e Warren sendo o melhor casal de Grey’s. De novo.

E vocês, o que acharam do episódio? Felizes por a trama estar caminhando sem enrolações? Deixem seus comentários!


Thais Gonzaga

Jornalista, mãe, apaixonada por séries desde a época da Sessão Comédia, Gosto de dramas que emocionam e de comédias inteligentes. Também sou fã dos seriados de super-heróis.

São Bernardo do Campo, SP

Série Favorita: Outlander

Não assiste de jeito nenhum: The Blacklist

×