Aquele em que dizemos adeus

Pra quem não sabe, o Apaixonados por Séries existe há quase dez anos. Eu e Camila…

O que esperar de 2018

Antes de mais nada, um feliz ano novo para você. Que 2018 tenha um roteiro muito…

Desperate Housewives 6×08 – The Coffe Cup

Por: em 19 de novembro de 2009

Desperate Housewives 6×08 – The Coffe Cup

Por: em

Desperate Housewives Susan

Só tenho uma coisa a dizer: este foi o melhor episódio desta temporada! Não ficou enrolando e teve algo a dizer (e a mostrar). Começando pela história mais chata, a briga de Susan com Katherine pelo Mike. Já disse em outra review que não acho que o Mike seja um cara que valha a pena brigar por, mas a verdade é que eu acho bem besta esse tipo de discussões, por mais comuns que sejam.

Não vou negar que teve aquele sentimento de “bem-feito” quando a Susan fez com que a Katherine fosse recolher lixo com ela. E só a inocente Susan não percebeu que o “sexo cinco vezes em um dia” era algum tipo de esquema da ruiva. Eu achava a Susan e o Mike um bom casal, agora só penso que são bem sem graça juntos. É a Katherine que apimenta o relacionamento dos dois (em todos os sentidos).

A trama da Gaby foi bem bobinha, servindo mais para a gente rir da situação, mas gostei bastante do contexto e como ela se entrelaçou com a história da Lynette e sua nova versão “homem de negócios”. Estava bem claro que a Gaby não ia conseguir ensinar a Juanita até o final do ano escolar e a menina ia precisar de uma escola, já que o Carlos se recusa a deixar a filha estudando com um estranho. Acho isso um absurdo, porque professores são pessoas estranhas, não importa o quão boa é a escola.

Desperate Housewives Lynette

E não é de hoje que as atitudes do Carlos me decepcionam. Eu entendo que a Lynette (que é uma ótima mulher de negócios) agiu mal ao não contar que estava grávida, mas depois da cena que ela viu, com o chefe demitindo a outra mulher porque ela estava no mesmo estado, era de se esperar que ela não contasse logo as novidades. Só achei estranho ninguém no escritório não reparar nas roupas largas e no aumento dos seios da Lynette e deduzir o óbvio. Fazê-la decidir entre se demitir e se mudar para Miami foi cruel demais. E hipócrita.

O grande foco do episódio foi o relacionamento de Bree e Karl. Com a Angie trabalhando com a ruiva e não tendo algo fora do trabalho tirando seu foco (como era com a Katherine, que vivia em um mundo mágico onde só ela e o Mike existiam e não se importava com o que acontecia ao seu redor), era questão de tempo até que ela começasse a suspeitar de algo. Até porque a Bree não era exatamente discreta… sair em encontros com o amante em uma cidade pequena?

Desperate Housewives Bree Karl

Confesso que fiquei com pena do Orson neste episódio. Ele é meio psicopata, mas ele ama a Bree e tem muito mais em comum com ela do que o Karl. Será mesmo que a Bree vai conseguir manter um relacionamento com o Karl só tendo o sexo como base? Como a Angie disse, ela precisa decidir o que quer fazer.

Finalmente a grande trama da temporada, o estrangulador voltou a agir! Depois desta segunda aparição, acho que podemos descartar a Katherine como a potencial culpada, afinal, não há motivos para ela querer ver a garçonete do café morta. Só se for uma reviravolta espetacular.

A Angie deu aquele pequeno chilique com Nick ao ver a garota limpando a roupa do marido infiel, destratou a Julie na cafeteria e poderia estar vigiando nos arbustros, porque sua pequena mentira na casa da Bree já tinha terminado. Acredito que isso seria estranho, visto a atitude dela no episódio passado, quando revelou a Nick que sabia do caso dele com a filha de Susan. Ela está com raiva da situação, mas, como ela mesma disse, os dois estão com de mãos atadas e não podem ficar longe um do outro.

Desperate Housewives Nick Angie Bolen

Me surge uma nova teoria: seria o estrangulador a tal pessoa misteriosa que Nick conversou ao telefone? Nick está disposto a se entregar, desde que a esposa (suponho eu que seja a Angie, embora o Nick diga “ela” sem especificar quem seja – e há uma grande chance de ser a Julie, que ele gosta bastante) fique de fora da confusão, mas o agente Padilla não pareceu disposto a concordar com o pedido.

Detalhe para o celular pré-pago: nos EUA, os pré-pagos são descartáveis? Estou achando muito fácil comprar um celular e usar sem qualquer tipo de ligação com uma operadora.


Bianca

Feminista interseccional, rata de biblioteca, ativista, ama filmes, séries, cultura pop e BTS. Twitter sempre vai ser a melhor rede social.

São Paulo - SP

Série Favorita: Grey's Anatomy

Não assiste de jeito nenhum: Lost

×