Aquele em que dizemos adeus

Pra quem não sabe, o Apaixonados por Séries existe há quase dez anos. Eu e Camila…

O que esperar de 2018

Antes de mais nada, um feliz ano novo para você. Que 2018 tenha um roteiro muito…

Gossip Girl – 6×10 New York, I Love You XOXO (Series Finale)

Por: em 18 de dezembro de 2012

Gossip Girl – 6×10 New York, I Love You XOXO (Series Finale)

Por: em

E chegamos ao final desta série que aprendemos a amar e a odiar durante estes seis anos. Seguindo o rumo dos episódios mais recentes (ao contrário dos do começo da temporada), Gossip Girl terminou com um ótimo episódio, fechando todos os arcos e indicando que ainda sabia usar os seus personagens.

Porém, apesar de todos terem o seu final feliz (até pensei em começar a review falando que o nome do episódio poderia ser “Dois casamentos e um funeral”, seguindo os títulos sempre relacionados a filmes, mas isso seria um pouco de spoiler), quem realmente chamou atenção foram os sempre coadjuvantes ou participações especiais.

Quase todas as vezes em que o Jack aparecia, tinha uma piadinha pronta e ele foi responsável por um momento de gargalhada e ajudou em uma das melhores cenas da série. Primeiro, dizendo que ama tanto o Chuck quanto a Blair enquanto os dois estão discutindo os planos do casamento. Segundo, dizendo que vai pegar um drink e a Dorota, essa linda, pede uma bebida bem caprichada como se ele fosse o empregado.

Porém, entretanto, contudo, o fato de eu achar que as participações especiais e as piadas dos coadjuvantes terem roubado a cena, mostra que os personagens principais já não tinham muito mais a render além do final esperado.

Quanto à história, o Bart morreu mesmo e fiquei um pouco desapontada que a morte dele foi embalada por aquela música brega. Era um momento grandioso e merecia algo um pouco melhor preparado. Chuck e Blair fugindo só deu impressão de que ele era mesmo o maior culpado, porque se não devia, não deveria ter corrido. Acho que mesmo que os dois não tivessem se casado, o caso não daria em nada, porque mesmo sob julgamento, até parece que a Blair não mentiria para proteger o namorado (e nem seria uma mentiiiira de verdade, era mesmo legítima defesa e o Bart tentou matar o filho antes). Ok, pode ser fora da lei, mas se ninguém tinha como comprovar nada além do que aconteceu, ia dar no mesmo.

No final, o Nate acabou tendo o seu pequeno momento de glória conseguindo revelar quem era a Gossip Girl e ficou com o Spectator todo para si depois da morte do Bart. E a nossa querida GG na verdade era o Lonely Boy. Confesso que fiquei um pouco surpresa, mas nem tanto, porque foi muito coerente ele ser a fofoqueira nesta temporada – e eu estava achando esquisito terem insinuado que a Jenny poderia ser a GG, uma vez que ela poderia operar de qualquer país graças à grande rede de contatos que já tinha estabelecido.

Não concordo com a Serena dizendo que o Dan fez um grande favor a eles e que por causa da GG, descobriu que aqueles amigos eram a família dela e ela nunca poderia sair de Nova York; tinha formas mais saudáveis de descobrir isso. Fora que a Serena era uma das principais opositoras da GG, disse várias vezes o mal que ela fez espalhando as fofocas e o quanto isso estragou a vida dela. Por outro lado, coerência não é algo que eu espero da personagem.

Mas foi engraçado a Blair falando de tudo o que a GG fez sem se tocar que ela faz exatamente o mesmo.

O melhor ainda dessa história toda foi a participação da Kristen Bell (que faz a narração da Gossip Girl) e da Rachel Bilson estudando para interpretar os jovens do Upper East Side. Duas fofas lindas!

Uma participação mais do que esperada foi a volta da Jenny (e do Eric) à Nova York. Foi por pouquíssimas cenas, mas o suficiente para matar as saudades da personagem, que realmente pareceu melhor depois de ter saído deste ambiente tóxico. Também tivemos algumas poucas, mas ótimas cenas com o Cyrus e a Eleanor (fazendo o casamento mais rápido das séries), junto de outras personagens que fizeram alguma diferença na série, todos surpresos com a grande revelação. Até a Olivia apareceu rapidamente, em um cartaz de propaganda de seu novo filme junto da Lola, que parecia querer vingança tanto quanto a Ivy, mas nem deu as caras.

Falando rapidamente da Ivy, foi a única que não teve um pouco de vingança pessoal. Ela foi usada por todo mundo, incluindo o William, e não conseguiu destruir a Lily. A não ser que você conte como infelicidade a Lily ter terminado com o ex-marido e não com o Rufus.

As últimas cenas foram dignas de uma novela da Globo. Cinco anos depois, livres de pais assassinos e da Gossip Girl, todo mundo parece estar super feliz com as novas vidas. Chuck e Blair com um pentelhinho, Nate sendo cogitado para ser prefeito da cidade, Georgina tendo um caso com o Jack (não ficou claro se ela largou o marido ou não) e Serena e Dan casando. Não entendo nada de moda ou de vestidos de casamento, mas ainda prefiro uns modelos mais tradicionais do que os que a Blair e – principalmente – Serena usaram.

Gossip Girl conseguiu fechar uma série que não andava tão bem de forma satisfatória, encerrando todos os arcos, dando um final feliz a todos e sendo digna. E quem ficar com saudades, pode sempre ler os livros que originaram a série, embora algumas tramas sejam bem diferentes ou rever alguns episódios. É o que eu farei a partir de hoje 😉

Obrigada a todos que acompanharam as reviews e continuamos a nos ver aqui no Apaixonados.

XOXO

Atualização: Em entrevista a um dos blogs do New York Times, a cantora Lisa Loeb explicou a sua participação neste episódio. Ela disse que foi convidada para ser a atual namorada do Rufus como parte de uma história que teria começado há anos. Os roteiristas disseram que o pai de Dan e Jenny tinha tido uma namorada que fazia parte de uma banda de rock e a Lisa foi chamada para interpretar essa pessoa, como se os personagens tivessem voltado a se encontrar. Ou seja, mesmo com o gesto carinhoso entre Rufus e Lily, os dois não terminaram juntos.


Bianca

Feminista interseccional, rata de biblioteca, ativista, ama filmes, séries, cultura pop e BTS. Twitter sempre vai ser a melhor rede social.

São Paulo - SP

Série Favorita: Grey's Anatomy

Não assiste de jeito nenhum: Lost

×