Aquele em que dizemos adeus

Pra quem não sabe, o Apaixonados por Séries existe há quase dez anos. Eu e Camila…

O que esperar de 2018

Antes de mais nada, um feliz ano novo para você. Que 2018 tenha um roteiro muito…

Survivor 21×12 – You Started, You’re Finishing

Por: em 2 de dezembro de 2010

Survivor 21×12 – You Started, You’re Finishing

Por: em

Survivor Nicaragua NaOnka

Eu não escrevi sobre o último episódio de Survivor (sem contar o recap — tô falando do episódio da eliminação da Brenda mesmo) apesar de eu ter gostado bastante dele — principalmente de quem saiu. Brenda era arrogante, tinha o nariz mais empinado do mundo, e mesmo que fosse uma boa jogadora, o orgulho dela de não lutar pra ficar no jogo mostra que ela não era tão boa assim. Os vídeos na Ponderosa com a Alina comentando venenosamente sobre ela já dizem tudo o que eu penso. Vejam lá. Porque em vez de voltar nesse episódio, a única coisa que eu quero nesse texto é pensar nas repercurssões que You Startet, You’re Finishing levantou pra essa temporada. O Tribal Council não pegou fogo, não teve prova de imunidade, ninguém caiu na briga no acampamento… mas a desistência de NaOnka e Purple Kelly é um elemento muito singular pro jogo. E eu amo o que ele vai fazer com essa reta final de Nicaragua.

Uma coisa que eu sempre fecho a cara quando vejo é o ódio generalizado pra cima das pessoas que resolvem desistir de alguma coisa. Existem trezentos milhões de fatores que podem justificar (ou não) a decisão de alguém simplesmente parar, pular pra fora, e muitas vezes — juro que acredito nisso — desistir pode ser um ato muito mais corajoso do que continuar fazendo algo que você não. aguenta. mais. Às vezes pode ser muito mais fácil continuar se arrastando, em vez de levantar a cabeça e dizer chega. Com isso dito…

PLOT TWIST. Eu concordo demais com a revolta do Jeff.

Parafraseando o que ele escreveu nos posts semanais na EW: todas aquelas pessoas tiveram que passar pelo processo exaustivo de testes, de serem entrevistadas pelos executivos da CBS, de ter que tomar uma cacetada de vacinas pra fortalecer o sistema imune, tirar o passaporte, organizar a vida toda pra poder sumir do mapa por 40 dias, pegar o avião, passar por todas as entrevistas e burburinhos da imprensa — e depois de tudo isso, na parte que talvez seja a mais simples de todas: jogar Survivor. Viver aquela experiência única de ficar confinado num acampamento tentando colocar um milhão de dólares no bolso. Participando de provas, fazendo alianças, traindo, tentando se safar dos TCs, procurando HII… Ser escolhido pra ser parte daquele elenco é uma oportunidade tão rara e tão cobiçada, que é completamente brochante assistir duas pessoas jogarem tudo o que passaram pro alto só porque não aguentam mais uma semana de chuva e pouca comida.

Quando eu tô na defesa de alguém que desistiu de alguma coisa, eu considero muito o que ela pode alcançar quando se livra daquilo que desistiu. Sei lá, a pessoa desiste de uma entrevista de emprego, porque sabe que não é aquilo que ela quer e que pode se concentrar em outra carreira pra conseguir algo melhor. Mas agora, o que caralhos NaOnka e Purple Kelly vão ganhar saindo do jogo? Nada, nada, nada de bom. Um prato de comida e olhe lá. Porque de resto vai ser só raiva pra cima delas. Não só da gente que tá assistindo, mas pior — das pessoas com quem elas vão ter que conviver na Ponderosa. A desistência delas é egoísta pra caramba porque desconsidera completamente o esforço das outras pessoas que tentaram chegar onde elas chegaram. Sejam as do Jury ou as que nem conseguiram entrar no cast. O que, aliás, levanta outra questão: elas sequer deviam ter o direito de fazer parte do grupo que escolhe o vencedor de Survivor?

Survivor Nicaragua Holly

Dessa vez, levando em consideração o jogo e não a atitude delas: acho que sim. A diferença necessária pra alguém perder e outro ganhar no Final TC pode acontecer no voto de uma das duas, e mesmo que seja injusto que isso aconteça, é uma pimenta BOA que jogam numa temporada que até deu uma melhorada nas últimas semanas, mas foi bem morna no geral. Se fosse pra eu apostar agora, eu acho que Jane acaba vencendo, mas se ela souber que o título de Sole Survivor veio através do voto de duas desistentes, a coisa fica muito mais legal. É o que pode diferenciar Nicaragua de qualquer outra temporada fraquinha que Survivor já teve.

E é também o que pode tornar essa reta final MUITO imprevisível. Eu tô feliz demais de ter desistido de olhar a bootlist quando a temporada passou pela sua pior fase, porque daqui pra frente eu não faço ideia de quem chega no último TC. Minha torcida continua sendo do Fabio, que se faz de bobo-alegre, mas tem força pra chegar longe. Só acho que não se daria bem com o Jury — pelo menos se manter a pose de bobão nos discursos finais. Seria meio que o efeito inverso do que acontecia com a Amanda. Em vez de irritar todo mundo por chorar e se fazer de coitada, Fabio irritaria pelo jeitão descontraído até demais. Jane seria muito justo se levasse o prêmio, mas às vezes ela começa a se achar demais, o que me irrita um pouco. Sobre a Holly eu vou falar no primeiro P.S., então leiam lá. Benry e Chase são aleatórios, logo, sei lá. Já o Dan é A CARA dessa temporada. Ele não faz NADA, mas pelo menos não tá desistindo. Seria engraçado (e irônico) ele ganhando, mas é impossível. E sobre o Sash, que apesar de eu não gostar na época da aliança com a Brenda, agora vai ter que se virar bonito se quiser continuar no jogo. Sem Brenda e sem Purple Kelly? Ganha até minha torcida se conseguir virar o jogo a seu favor e chegar na final. Tô curioso pra ver como ele vai usar o HII.

E acho que é isso. Tô com mó impressão de que esqueci de falar alguma coisa importante, mas não lembro de jeito nenhum. Se esqueci mesmo, joguem aí nos comentários. E semana que vem eu vou tar de férias na faculdade — ou seja, com tempo e bom humor o suficiente pra não atrasar tanto essas reviews. Até lá! 🙂

_____

P.S.: Eu falei mal da NaOnka só como desistente, mas essa semana ela voltou ser a escrota sem caráter de sempre. Foi muito sem noção deixar a Holly ficar sem a recompensa enquanto ela sabia que iria poder comer o que quisesse no dia seguinte. Mas eu confesso: ri pra caramba. Eu não vou com a cara de quem é todo bonzinho, certinho, dono da moral e da razão. E ver a Holly tomando uma chinelada na cara por ser assim me fez abrir um sorriso maléfico.

P.S. 2: O Dan sentado na cadeira gigante do Gulliver balançando a perninha na prova de recompensa foi A IMAGEM DA TEMPORADA. Genial. Parecia um Oompa-Loompa.

P.S. 3: Dessa vez a última promo me enganou ao contrário. Mostrava a NaOnka sendo a vítima da vez, e eu logo tive certeza de que ela não seria eliminada. Mas foi. Tomei um susto de verdade quando ela falou no TC que tava desistindo mesmo.

P.S. 4: Sabem o que eu falei ali mais pra cima sobre não saber nada da bootlist? Esqueçam. Algum indivíduo sem mãe atualizou a a tabela de eliminados na página da Wikipedia (em inglês) de Survivor Nicarágua com ela. Descobri quem sai na semana que vem, e pior, o vencedor. Argh.

P.S. 5: Comentei esse P.S. 4 no Twitter enquanto eu terminava de escrever a review, e a Alline (@ally_bras), que já leu a bootlist, viu essa da Wikipedia e disse que tava errada. BRIGADÃO, ALLINE! Salvou meu dia. Na verdade nem bootlist aquilo é, são só os castaways que ainda não foram eliminados em ordem alfabética. (Sim, burrice gigante minha.)


Guilherme Peres

Designer

Rio de Janeiro - RJ

Série Favorita:

Não assiste de jeito nenhum:

×