Chicago PD

18 de setembro de 2016 Por:

Abertura Chicago PD

Chicago PD é mais uma produção de Dick Wolf, sendo um spin-off de Chicago Fire, que nos mostra a rotina da polícia da cidade de Chicago. Mais especificamente do Distrito 21 que é representado por dois grupos: os policias uniformizados da patrulha, que vão as ruas e ajudam o segundo grupo de policiais, a Unidade de Inteligência.

A série segue o estilo procedural, tratando de um caso a cada semana. Os casos são dos mais diversos, tráfico de drogas e pessoas, crime organizado e até aqueles envolvendo serial killers são alguns exemplos. Em sua maioria são sempre muito bem trabalhados e impactantes, envolvendo o telespectador até o último segundo.

Sargento Voight e os detetives Erin e Antonio

A unidade é coordenada pelo Sargento Hank Voight (Jason Beghe), personagem que nos é apresentado lá em Chicago Fire como sendo um policial corrupto que após ser condenado e passar um tempo na prisão volta a ativa liderando uma equipe especial que segue – quase sem questionar – os passos de seu líder. É muito interessante ver a forma como o personagem é trabalhado nesse spin-off, a transformação pela qual ele passa é nítida e reflete bastante no opinião daqueles que assistem as duas séries e conhecem os dois momentos do sargento.

Detetive Erin Lindasay e oficial Kim Burgess

Uma das melhores coisas na série é a oportunidade de ver a importância do papel feminino dentro da delegacia. Podemos começar falando da Sargento Trudy Platt (Amy Morton) que coordena os policias uniformizados do distrito, sendo uma chefe durona e cheia de sabedoria, além de possuir um grande coração. Temos também a detetive Erin Lindsay (Sophia Bush), braço direito de Voight e o tipo de policial que se entrega de corpo e alma ao serviço, mas só aceita fazer as coisas se for do jeito certo. E vale também citar a oficial Kim Burgess (Marina Squerciat) que trabalha na patrulha e está sempre ajudando a unidade de inteligência, mostrando toda a sua capacidade.
Chicago P.D. episódio da 3ª temporada

A série possui ainda muitos outros personagens interessantes, como o detetive Antonio Dawson (Jon Seda), o detetive Alvin Olinsky (Elias Koteas), o oficial Kevin Atwater (LaRoyce Hawkins), e o responsável pelo departamento de tecnologia Craig Gurwitch (Samuel Caleb Hunt), além de outros. Cada um com uma personalidade, uma história de vida a ser contada e infinitas possibilidades de desenvolvimento dentro da série, mas infelizmente uma boa parte desses personagens tem sido esquecidos e ficado sem plots, ou pelo menos sem tramas que chamem atenção.

E verdade seja dita: isso tem prejudicado a série, pois cada personagem é algo mais do que apenas um policial e esse tema merece ser explorado, justamente com o objetivo de dar mais força para como cada um deles desempenha o seu papel dentro da unidade. Além disso o público sente falta de conhecer a história e a vida dos personagens.

Crossover de Chicago PD e Chicago Fire

Chicago PD pode até ser mais do mesmo, tendo pouca diferença das suas séries irmãs (Fire, Med e Justice), mas no fim do dia ela cumpre muito bem o seu papel de mostrar a realidade do 21º Distrito, trazer casos que envolvem temas polêmicos e atuais, e apresentar personagens – que mesmo com pouco enfoque- nos cativam e por isso Vale Cada Minuto. Além disso também temos os crossovers com as outras produções de Wolf que sempre rendem ótimos episódios.


Acredito que a 4ª temporada, que retorna nesta quarta-feira, irá focar um pouco mais nos personagens e nos conflitos que cada um deles vai enfrentar depois dos acontecimentos da season finale passada.

E você assiste a série? Vai dar uma chance?

Tem memória de elefante pra tudo aquilo que as pessoas costumam chamar de "cultura inútil". Apaixonada por séries, filmes, livros, música e nescau.

Petrópolis/RJ

Série Favorita: Gilmore Girls e One Tree Hill

Não assiste de jeito nenhum: Outlander

  • Ana Rebeca Tamandaré

    Chicago P.D é atualmente a série de melhor qualidade do Dick Wolf, critico duramente a franquia e suas situações por vezes forçadas/infundadas e plots desnecessários e apagados com bons personagens, mas, não fecho os meus olhos para as ótimas histórias abordadas no show, assim como o excelente desenvolvimento da dupla Erin-Kim que são um exemplo se empoderamento feminino dentro da série.

    Excelente VCM Louise.

    • O que mais me incomoda são os plots sem graça ou desnecessários quando se tem ótimos personagens/atores

      Obrigada Ana!

  • Julie Passos

    Comecei a ver Chicago P.D por causa da querida Sophia Bush…. Mas acabei me apaixonando pela série. E fico feliz de saber que One Tree Hill é ainda série favorita das pessoas! OTH <3 Brucas <3

    • Bruna Oliveira

      OTH uma das melhores tb

  • Bruna Oliveira

    Chicago PD, Chicago Fire, Chicago Med e agora Chicago Justice melhores series com certeza. Amo obrigado Dick Wolf pelos seriados amoooooooooooooooo

The Astronaut Wives Club

2 semanas atráscomentarios

Baseada em um livro de mesmo nome que narra eventos reais e históricos, The Astronaut Wives Club consiste em um instigante drama de época, ambientada entre os anos de 1950 e 1960, que segue a vida das sete esposas dos primeiros astronautas da América, os Mercury Seven, mulheres que da noite para o dia tiveram suas vidas aparentemente suburbanas, de mães e de donas de casa, acompanhadas e expostas pela imprensa para todo o país, as mesmas sendo consideradas exemplos de moralidade e bons costumes, as esposas perfeitas para os homens que elevaram os EUA  para o próximo nível na corrida espacial contra a URSS em pela Guerra Fria. A minissérie de 11 episódios foi exibida pelo canal ABC no […]

Leia o post completo

Guia da Trilha Sonora: Parenthood – 4ª temporada

3 semanas atráscomentarios

Parenthood é o tipo de série que sempre nos emociona de alguma forma: seja com o clima familiar, com os dramas dos personagens ou com a alegria de suas conquistas. E na 4ª temporada a gente sofreu bastante com alguns personagens, e claro que a trilha sonora contribuiu bastante pra que tivéssemos o maior impacto possível de tudo que a temporada queria nos passar. Abertura: Forever Young – Bob Dylan Abertura Internacional: When We Were Young – Lucy Scwartz 4×01 – Family Portrait Just As Loud – PAUL MCDONALD Corner – ALLIE MOSS Call Me the Breeze – BETH ORTON Amen – ROCCO DELUCA A Little One – PEASANT Counting Stars – PAUL MCDONALD T-Bone Shuffle – T-BONE WALKER 4×02 […]

Leia o post completo

Maratona Parenthood – 6ª temporada

3 semanas atráscomentarios

Pegar a última temporada de Parenthood para fazer o post de maratona foi um imenso desafio. A expectativa era grande, junto com o medo de não conseguir terminar o texto. Mas é isso que uma série faz conosco, não é? Nos encher de emoções e deixar aquele gelinho na barriga no final. Família é uma coisa difícil. Você não vive sem ela e não consegue, muitas vezes, ficar perto dela. Talvez porque família não tenha o dever de ser um amigo e dizer que certas atitudes estão corretas. Ela tem o dever de apoiar, apesar dessas atitudes e estar ao lado nas horas mais importantes, sejam elas felizes ou tristes. E isso define bem o que os Braverman são. O sexto ano da […]

Leia o post completo

Siga as nossas redes sociais e fique sempre conectado:

Assine nossa newsletter