Merlí

Merlí é uma produção catalã de 2015, exibida pela TV3 e estrelada por Francesc Orella que…

Primeiras Impressões: Mindhunter

Mindhunter estreou na Netflix nesta sexta-feira (13) sob toda a expectativa que uma série de David…

Painel de Awake na Comic-Con 2011

Por: em 22 de julho de 2011

Painel de Awake na Comic-Con 2011

Por: em

Apontada como um dos melhores pilotos da próxima leva de séries que estreará nos próximos meses, Awake chega para mudar um pouco a cara das séries da NBC, conhecida pelos seus dramas processuais. Contando o drama da vida do detetive Michael Britten, interpretado por Jason Issacs (famoso por seus trabalhos em Brotherhood e na saga Harry Potter, onde interpretou o vilão Lúcio Malfoy), a trama mostra logo no começo um acidente de carro envolvendo o detetive, sua mulher (interpretada por Laura Allen, Terriers) e seu filho (interpretado por Dylan Minnette, Lost). Acordando após o acidente, Britten descobre que seu filho está morto e tem de conviver com essa novidade. Enquanto tenta colocar sua vida de volta nos trilhos, ele acorda novamente, agora em uma nova realidade, onde seu filho está vivo, mas sua mulher está morta. Então, ele passa a viver entre essas duas realidades, tentando manter seus ‘amores’ vivos e unidos.

Apesar do grande potencial a tragédia do ano, a série tem sido bastante comentada e se tornou uma das mais aguardadas. Por decisões estratégicas, a emissora decidiu lança-la somente no Mid-Season, deixando muito fãs agoniados com a espera. E assim algumas novidades em torno do novo show foram lançadas durante seu painel na famosa feira em San Diego.

O painel começou com a exibição do episódio piloto da série, sendo muito bem recebido pelos fãs. Além do protagonista vivido por Issacs, estavam presentes no painel o produtor executivo Howard Gordon (24 Horas) e o criador da série, Kyle Killen. Segundo presentes no painel, o único problema do piloto é que, apesar de muito bom, pode não ser bem aceito para uma longa série. Seria mais um caso de uma ótima idéia desperdiçada para um show de televisão aberta. Foram então liberadas as perguntas para o público.

Uma das perguntas realizadas logo de início foi se, em algum momento, o personagem não se cansa de viver entre essas duas estranhas realidades. Segundo Issac, mesmo com o passar do tempo, a ânsia por salvar aqueles que ama o faz continuar nessa estranha situação. ‘E não para nunca, é só ele fechar os olhos, que é levado para uma dimensão completamente diferente’, disse o ator. Depois o público questiona o quanto da trama principal o protagonista conhece. Nesse ponto, os produtores decidem se manifestar. ‘Ele sabe até onde precisamos para que realize um trabalho convincente. Queremos explorar bem as duas realidades. Mas não, ele não sabe onde essa trama irá o levar.’

Isacc comentou que achou a ideia do show sensacional. O fato de explorar o ‘mundo dos sonhos’ é uma coisa realmente diferente e abre grandes discussões, dizendo que é um grande dilema que irão explorar. ‘Nada acontece quando você sonha, pelo menos não duas vidas completamente diferentes.’, disse Jason. Em um momento divertido do painel, Jason foi questionado o quão diferente o seu novo personagem era do Sr. Malfoy. Hilariamente, o ator respondeu: ‘a série é realmente brilhante, mas confesso que acho que falta um elfo na nossa trama’. O público gostou bastante desse momento.

Apesar de a trama principal envolver a luta para salvar seus entes em ambas as realidades, existe um elemento ‘caso da semana’ na série. Michael é um detetive que resolve crimes nas duas realidades. O assunto então virou as filmagens da série. Segundo o produtor, eles desejam criar uma identidade para cada uma das realidades. Isso poderá ser notada pelas cores utilizadas em cada uma delas, bem como a pontuação. O que foi notado é que o mundo em que o filho existe é muito verde e azul, enquando o mundo em que a mulher está viva é vermelho e laranja.

Jason comenta também como lida com seu sotaque britânico. ‘Acordo de manhã e, a partir disso, sou um americano. No set de filmagens tenho que forçar a todo momento para não acabar falando normalmente. Venho de um lugar onde você mora muito longe de todos e que o sotaque é completamente diferente, não é mesmo?’, fala em tom de brincadeira se direcionando aos produtores. O ator comentou também o que o motivou a aceitar esse diferente trabalho: ‘Eu o aceitei porque é o tipo de trabalho que envolve suas emoções nele. Eu tenho filhos e a idéia de perdê-los ou perder minha mulher é insano. Muito emocional.’

E assim, foi encerrado o painel da série, que estréia no Mid-Season da NBC. O trailer oficial você pode conferir aqui. E assim que surgirem imagens do evento oficiais, este post voltará a ser atualizado.


Leandro Lemella

Caiçara, viciado em cultura pop e uns papo bobo. No mundo das séries, vai do fútil ao complicado, passando por comédias com risada de fundo e dramas heroicos mal compreendidos.

Santos/SP

Série Favorita: Arrow

Não assiste de jeito nenhum: The Walking Dead

  • Joao Paulo Neves

    QUERO MTO ASSISTIR ESSE PILOTO

    TOMARA Q SEJA ÓTIMO MSM

    • Pelo menos pelo Ausiello esse foi o melhor piloto da próxima safra. EU estou crendo que virá uma ótima série dai, mas é uma faca de dois gumes. Ou será fantástica, ou será a bomba do ano. Nos resta aguardar!

      Abraço!

  • O problema é que VAI ser um procedural (ou processual, no português mais correto)…

    Hoje em dia é difícil uma série de TV aberta não ter pelo menos resquícios disso. Parece que tem medo de investir em uma série com continuidade. É claro que é mais arriscado, mas tem muita série que se deu bem, Lost (por mais que eu seja um hater de carteirinha agora) veio pra provar que da pra pedir que o público para acompanhe fielmente e que se prenda a detalhes sim, apesar de Lost também manter um pouco de características de procedurais (cada episódio era focado em uma trama semi-paralela de um dos personagens).

    De qualquer maneira, é uma das série que mais espero dessa nova safra. É uma ideia interessante e pode ser muito bem trabalhada. Pena que ele TINHA que ser um detetive…

    • Acho que não dá pra escapar da trama procedural na tv aberta… Se ele não fosse detetive aposto que seria cirurgião rs

      Mas enfim… se for procedural só até certo ponto, como The Good Wife, não vejo nenhum problema

    • Acho que a gente não pode se prender muito a certas coisas, senão se torna impossível curtir qualquer show na televisão. Criatividade já é algo raríssimo numa época de tantos remakes, então curtir essa ‘nova’ ideia talvez seja nossa melhor opção nesse momento!

      Abraço

  • Eu me empolguei muito com a série, mas a tendência é passar anos na mesma enrolação…

    • A me empolguei bastante também, sei lá, acho que pode ser diferente ou pelo menos espero…

      Pelo menos uma chance acho que merece!

  • Expectativas altíssimas!

    Fiquei decepcionado quando vi que a NBC ia colocar a série (e Smash, outra q estou ansioso p conferir) na midseason… Essa temporada 2011/2012 promete!

    • O único ruim de manter as expectativas altas é depois a série estrear e a gente nem achar que seja grande coisa. Mas estou torcendo de verdade para que esse não seja o caso.
      Eu to bastante empolgado e pretendo acompanhar!

      Abraço!

×