Os indicados ao Globo de Ouro 2018

As nomeações à 75ª edição do Globo de Ouro foram anunciadas nesta segunda-feira pela manhã por…

Primeiras Impressões: Dark

Dark é uma produção alemã de suspense e terror, criada por Baran do Odar e Jantje…

Brooklyn Nine-Nine

Por: em 19 de setembro de 2013

Brooklyn Nine-Nine

Por: em

“Jacob Peralta é o meu melhor detetive. Ele gosta de prender bandidos e adora resolver enigmas. O único enigma que ele não resolveu é como amadurecer.”

Brooklyn-Nine-Nine

Sinceramente: Era praticamente impossível que Brooklyn Nine-Nine não tivesse qualidade. A série conta com os mesmos produtores de The Office e Parks And Recreation, um ótimo elenco e uma premissa um tanto inovadora diante de tanta coisa ruim que está estreando.  E, após o piloto, já pode-se perceber um potencial enorme, que pode torná-la uma das melhores comédias da atualidade. Simplesmente de causar inveja a outras emissoras!

A série é uma sitcom que mostra de forma divertida o ambiente de trabalho de uma delegacia. Andy Samberg (Saturday Night Live) interpreta Jake Peralta, um ótimo detetive, mas totalmente infantil.  As coisas mudam quando um novo capitão (Andre Braugher, Last Resort) assume o precinto Nove-Nove (que dá nome ao seriado).

A ideia de Brooklyn Nine-Nine ser uma sitcom policial já a diferencia das outras comédias atuais. Ela poderá até ser procedural em algumas semanas, mas o fato de ser uma comédia já a distancia totalmente de outros programas criminalísticos. Sem contar que cada episódio tem apenas 20 minutos de duração e por isso tudo é resolvido rapidamente.

Os personagens são todos carismáticos e prometem trazer situações divertidas no futuro. Cada um tem suas características e, juntos, formam um grupo um tanto eclético. Tem o personagem infantil, o gay, o bobo, o durão, o misterioso e por aí vai. Sem contar que a dinâmica entre eles na delegacia é muito boa, com direito até a competições de quem prende mais pessoas.

brooklyn nine nine pilot

Os atores estão todos ótimos em seus respectivos papéis. Andy Samberg já se mostrou ser a escolha correta para protagonista e atua com bastante naturalidade, não parecendo nem um pouco forçado. O mesmo se aplica para os outros nomes do elenco. Outro ponto positivo é que o cast possui uma química enorme e funcionam muito bem juntos.

Grande parte das piadas apresentadas são inteligentes e fogem completamente do famoso estilo pastelão. Outra característica que parece que será recorrente é a investigação do crime de forma diferente. O piloto mostrou a situação de uma forma muito bem humorada, e futuramente poderá explorar de um aspecto bastante divertido a circunstância.

A audiência de Brooklyn Nine- Nine foi ótima e já foram encomendados 13 episódios para a temporada, número que poderá subir caso os números fiquem estáveis. A chance de sucesso chega a ser grande, apesar da concorrência que a série terá nas próximas semanas. No fim, o seriado satisfaz. Pode não ter sido o piloto mais engraçado do mundo, mas foi bem consistente, diferente de outras comédias.

E você, irá conferir Brooklyn Nine-Nine? Se já viu, o que achou do episódio? Diga nos comentários!

 


Douglas

Possui mais séries na grade do que tempo disponível. Viciado em cultura pop, bandas indies e, principalmente, ketchup.

Curitiba / PR

Série Favorita: Seinfeld

Não assiste de jeito nenhum: Anger Management

  • Wander

    Eu vi e ADOREI!

    Andy Samberg é muito lindo! As comparações a The Office e P&R são inevitaveis, mas a melhor parte é que BNN, pelo menos no que mostrou nesse pilot, vai ser tão boa quanto.

    Apenas ansioso pelos proximos episodios!

    Já tou vendo que a Rosa Diaz e, principalmente, a Gina serão minhas personagens preferidas, doas coadjuvantes! haha

    • Espero que os próximos não decepcionem. A Rosa e a Gina são realmente hilárias! kk

  • Daniel

    Não achei tudo isso. Na verdade, achei bem fraquinha. Estou até agora tentando entender como a série pode se tornar “uma das melhores comédias da atualidade”. Se bem que o piloto de Friends também não foi lá grande coisa, mas mesmo assim. O que me incomodou foi justamente os personagens – são todos os que a gente vê na TV. Além do mais, o personagem bobão (o que pisa no muffin e bate a cabeça na bancada, não lembro o nome dele) é completamente forçado.

    E sim, é diferente. Afinal, que outra série é de comédia e tem um âmbito policial? No entanto, o roteiro precisa ser melhor trabalhado, achei o episódio bem morno. A parte da sunga, então… Completamente desnecessária.

    Vou acompanhar para ver se a série muda minhas primeiras impressões.

    • Acho que a série pode se tornar “uma das melhores comédias da atualidade” justamente por ser diferente. Claro, apesar dos elogios que fiz, Brooklyn Nine-Nine precisa arrumar algumas coisas, mas mesmo assim ela possui grande potencial.
      Sem contar que, por ter essa ambientação policial, a série pode gerar situações bem criativas como nos bons tempos de Community (e ela tem os mesmos produtores de Parks). Então…

×