Primeiras Impressões: Great News

27 de abril de 2017 Por:

A NBC estreou recentemente a comédia Great News. A série se passa em uma redação de um telejornal e é produzida por ninguém mais ninguém menos que Tina Fey.

Esse primeiro episódio funcionou muito mais para apresentar todos os personagens e situar o espectador na trama da série. É mais ou menos assim: Katie (Briga Heelan) é uma das jornalistas que está tentando fazer seu nome no ramo, porém só consegue pegar aquelas matérias bem inúteis (Katie is the new Robin Scherbatsky). Se isso não bastasse, Katie tem que lidar com sua mãe Carol (Andrea Martin), que é controladora ao extremo. Bom, vocês adivinhem o que acontece? Carol volta a estudar e vai estagiar na mesma redação de Katie! Só por aí já da pra ver que vão rolar muitas confusões, não é mesmo?

Como uma boa comédia, Great News não para por aí, ainda temos os outros trabalhadores da redação. Neste primeiro episódio ainda não podemos ter uma boa ideia da personalidade de todos. Talvez esse seja um dos problemas em colocar muitos protagonistas em uma série.

Outro tema abordado neste piloto foi a diferença de mentalidade dos personagens de acordo com a idade. O apresentador do jornal Chuck (John Michael Higginsé bem mais velho que os outros e um tanto quanto atrasado em relação à tecnologias e cultura pop. Por outro lado a outra apresentadora Petra (Nicole Richie), que é mais nova e totalmente antenada em tudo que rola no “mundo do Internet” por assim dizer. E tentando controlar essa gente toda está o editor do jornal Greg (Adam Campbell).

Apesar de ser engraçadinha e tudo o mais, parece que faltou alguma coisa nesse piloto. Acho que o modo como eles construíram a trama principal da série foi muito rápido, ainda mais com a divisão de atenção com o outro plot.  As piadas também não convenceram muito, pareceu tudo meio forçado. Admito que coloquei muita expectativa por ser uma produção com o selo Tina Fey de qualidade.

Por outro lado não é uma daquelas comédias que você não consegue nem passar do primeiro episódio de tão ruim. Na verdade, se Great News for melhor trabalhada e se empenhar mais em revelar detalhes da vida dos personagens – para criar aquele vínculo com o espectador – tem tudo para ser incrível!

A estreia nos Estados Unidos ultrapassou a marca de 5 milhões de espectadores. Entretanto, o segundo episódio exibido logo em seguida já teve uma queda de audiência atingindo a marca de 4 milhões.


E vocês, chegaram a assistir Great News? O que acharam desse piloto?

Futura jornalista, viciada em séries e louca dos signos. Adora músicas pop punk e passa muito tempo em redes sociais. Só abandona a Netflix quando chamam pra ir...

Ler perfil completo

Rio de Janeiro / RJ

Série Favorita: Freaks and Geeks

Não assiste de jeito nenhum: Orange Is The New Black

Misfits e o uso de poderes em benefício estritamente próprio

2 semanas atráscomentarios

O tema dos super-heróis tem sido bastante explorado nos moldes atuais, existem por ai séries de bastante qualidade e que fazem a cabeça de um grande público onde o enfoque são os indivíduos/as que ganham poderes e os usam para salvar o mundo, só que muito antes disso tudo uma série britânica teve a audácia de retratar um cenário onde jovens deturbados e a margem da lei ganham poderes bizarros e os usam para os mais egoístas e cômicos interesses,  criando situações inimagináveis. Esta é Misfits, uma série britânia que foi ao ar entre os anos de 2009 e 2013, totalizando 5 temporadas de grande sucesso ao mesclar com eficiência, humor, comédia e ficção científica. A série narra as peripécias […]

Leia o post completo

Girlboss: guia do que NÃO fazer na vida adulta

2 semanas atráscomentarios

Teve gente que gostou de Girlboss, teve gente que achou a série fraca. Mas em uma coisa todo mundo certamente concorda: Sophia é um dos piores seres humanos que já vimos como protagonista de uma série. E com ela a gente pode aprender muito sobre o que não fazer para ser uma pessoa melhor. 5. Não roubar Em GirlBoss, uma das primeiras coisas que descobrimos sobre Sophia é que ela acha normal roubar. Não, ela não rouba porque precisa, porque quer ajudar alguém, ou se quer por uma questão de princípios contra uma sociedade capitalista. Sophia rouba porque se sente superior e simplesmente não respeita os outros, – muito menos suas propriedades. 4. Não ser egoísta com a melhor amiga […]

Leia o post completo

Desafio: você se lembra de quem foi essa declaração de amor?

2 semanas atráscomentarios

Ah, o dia dos namorados. Aquele momento do ano para espalhar aos quatro cantos nosso sentimento por aquela pessoa especial, que faz o coração acelerar e as palmas da mão suarem. Aquela pessoa por quem você faria qualquer coisa, até mesmo deixar a vergonha – ou o medo – de lado para professar seu amor. Nas séries, existem muitos personagens  que não esperam data especial nenhuma para declarar seu amor, seja num momento de desespero, num pedido de casamento ou só para reforçar aquilo que o parceiro já sabe e Tom Jobim cantava aos quatro ventos: é impossível ser feliz sozinho. Você também acredita nisso e se derrete toda vez que sabe que chegou a hora de surtar, porque vai ter […]

Leia o post completo

Siga as nossas redes sociais e fique sempre conectado:

Assine nossa newsletter