Veep – 6×8 Judge

17 de junho de 2017 Por:

O dia em que o Gary pirou.

Calma, não fiquem muito exaltados (as), Gary não pirou com a Selina, mas o primeiro passo já foi dado. O personagem é hoje um dos grandes, se não o único aliado que a Selina tem, o que significa dizer que, sem ele, ela basicamente não funcionaria muito bem, pois ele é o seu alicerce, ainda que ela não reconheça isso. Claro que temos o Richard e a sua inocência, que é super valorizada pela presidente Meyer, mas o que estou querendo dizer é que o Gary é a vítima que mais incomoda, diante de todo o comportamento que a Selina tem com ele. Dessa forma, sempre que algo de errado acontece, ficamos na expectativa do famigerado surto e o grande dia em que ele vai se impor e dizer umas boas verdades para a maravilhosa Selina Meyer.

Só que esse dia ainda não chegou e só tivemos um aperitivo de algo que pode nem acontecer, e eu digo isso em razão da forma como as coisas terminaram para os dois. O que deixa a entender que ele aceitou a sua condição perante Selina, e ela, em contrapartida, consegue manipular toda e qualquer situação a seu favor, fazendo, inclusive, com que ele se sinta culpado por uma situação que a própria Selina causou.

Reprodução/HBO

A série chegou em um momento muito importante, que é mostrar a vida do Gary mais de perto e a forma como Selina se comporta diante disso. Foi muito lindo vê-lo com a mãe e toda aquela festa na entrada da casa, isso só mostra o quanto ele é amado e a saudade que ambos sentem um do outro. Quanto ao pai do Gary, ele é a personificação da Selina, versão diminuída, quase que um genérico da Srª Presidente. Todo o comportamento narcisista e arrogante é similar ao que Selina apresenta desde que a série estreou, e o mais peculiar e engraçado da história, é que ela parece estar tão mergulhada em seu próprio ego, a ponto de não perceber que as atitudes do pai são completamente iguais as suas.

A história da caçada do coelho foi o motivo do estresse do Gary e da sua perceptível chateação, o que culminou na explosão com o pai. Selina passou dos limites e não percebeu que aquele não era o momento para se exibir e tampouco conseguir apoio político e doações para sua campanha. Aquela festa era do Gary e tão somente dele, o protagonismo não era de Meyer e de mais ninguém ali, e se teve uma cena que me partiu o coração, foi ver os seus únicos convidados incomodados com a decoração.

Reprodução/HBO

Enquanto isso, Ben saiu de cena e foi despedido pelo Jonah, que finalmente conseguiu seu triunfo diante do Dan. A grande sacada de usar a outra apresentadora para sacanear com ele foi muito boa, o que rendeu excelentes momentos para ambos os personagens. Além disso, a aparição da presidente Mendez acabou por ignorar o Jonah completamente na entrevista, e dar momentos de graça ao Ben. Diante das circunstâncias, o que ficou claro é que Kent agora não tem muita perspectiva de continuar no cargo, então para ele pouco importa está ali ou não. Já para o Ben, a sua saída pode significar um descanso ou uma fuga para as loucuras da Selina.

P.S.: Sensacional a cena dos pais de Gary e ele e Selina no quarto.
P.S.: Amy e Mike voando no episódio e sobrando muito.
P.S.: O plot do Dan perdeu um pouco a graça, depois que a mulher saiu.
P.S.: Melhor cena do episódio foi a Selina desculpando o Gary e os dois se divertindo after all.
P.S.: Adorei Catherine e Marjorie brigando e ainda mais da forma que foi AHHAHAH.

Então é isso, nos vemos semana que vem!! Tá acabando hein?!

Assiste séries com a mesma frequência que sente fome. Estudante de Direito, futura professora de Inglês e louca pelos animais, em especial, seus amigos. Uma aquariana que não...

Ler perfil completo

Salvador BA

Série Favorita: Impossível decidir

Não assiste de jeito nenhum: Glee

Girlboss: guia do que NÃO fazer na vida adulta

1 semana atráscomentarios

Teve gente que gostou de Girlboss, teve gente que achou a série fraca. Mas em uma coisa todo mundo certamente concorda: Sophia é um dos piores seres humanos que já vimos como protagonista de uma série. E com ela a gente pode aprender muito sobre o que não fazer para ser uma pessoa melhor. 5. Não roubar Em GirlBoss, uma das primeiras coisas que descobrimos sobre Sophia é que ela acha normal roubar. Não, ela não rouba porque precisa, porque quer ajudar alguém, ou se quer por uma questão de princípios contra uma sociedade capitalista. Sophia rouba porque se sente superior e simplesmente não respeita os outros, – muito menos suas propriedades. 4. Não ser egoísta com a melhor amiga […]

Leia o post completo

Desafio: você se lembra de quem foi essa declaração de amor?

2 semanas atráscomentarios

Ah, o dia dos namorados. Aquele momento do ano para espalhar aos quatro cantos nosso sentimento por aquela pessoa especial, que faz o coração acelerar e as palmas da mão suarem. Aquela pessoa por quem você faria qualquer coisa, até mesmo deixar a vergonha – ou o medo – de lado para professar seu amor. Nas séries, existem muitos personagens  que não esperam data especial nenhuma para declarar seu amor, seja num momento de desespero, num pedido de casamento ou só para reforçar aquilo que o parceiro já sabe e Tom Jobim cantava aos quatro ventos: é impossível ser feliz sozinho. Você também acredita nisso e se derrete toda vez que sabe que chegou a hora de surtar, porque vai ter […]

Leia o post completo

Guia da Trilha Sonora: Scream – Season 1

3 semanas atráscomentarios

Entre os poucos pontos positivos que posso destacar em Scream, a trilha sonora fica em primeiríssimo lugar (talvez porque seja da MTV). Misturando canções atuais, dançantes e tristes, que fazem parte da vida dos jovens de Lakewood, a série soube utilizá-las para compor a história e os personagens. Assim, nada melhor do que ouvir as músicas da primeira temporada, agora disponível em uma playlist na nossa conta do Spotify!

Leia o post completo

Siga as nossas redes sociais e fique sempre conectado:

Assine nossa newsletter